Travesso o destino

Travesso destino

 

Parecia avisar.

Mesmo que ele não exista,

Que conosco viria a brincar.

Perverso é o tempo

O meu brio não quis preservar

Primeiro aprendi o amor

Para depois me apaixonar.

Por se cumprir assim esta estória

Há quem não pode se defender

Conformais que contra natureza

Existem batalhas improprias de se vencer.

 

Lucas Hêrique 09-09-15

Enviar-me um e-mail quando as pessoas deixarem os seus comentários –

Lucas Hêrique

Para adicionar comentários, você deve ser membro de Casa dos Poetas e da Poesia.

Join Casa dos Poetas e da Poesia

Comentários

  • O único irrecuperável é o tempo, seja perdido ou bem aproveitado...

     Do resto, nada há impossivel se desejamos de coração.

     Muito bom, belo e profundo, querido Lucas.

     Parabéns e obrigada.

     Felizes festas, amigo.

     Beijos poéticos.


    Cartoazulcppdest.jpg

     

  • Gestores Adm

    O tempo é soberano, sempre, Lucas. Parabéns!

This reply was deleted.
CPP