Fórum

Gestores Adm

Vamos festejar a Primavera!

Terceiro Capítulo da 2ª Antologia Poética da

Casa a ser lançada no ano de 2017, editada nas mesmas condições

da Antologia do Sarau de Aniversário.

O Sarau das Margaridas ficará vigente pelo período de 01 a 15/11/16.

Tema:  Na paz do teu abraço

Cada poeta pode participar com 2 obras inéditas

Máximo de 25 versos --- Mínimo de 7 versos

Boas composições!

Participem!

Para adicionar comentários, você deve ser membro de Casa dos Poetas e da Poesia.

Join Casa dos Poetas e da Poesia

Enviar-me um email quando as pessoas responderem –

Respostas

  • Gestores Adm

    ENCERRADO!

  • This reply was deleted.
  • This reply was deleted.
  • This reply was deleted.
  • This reply was deleted.
    • Gestores

      marciaaaaaaaaaaaamargarida.gif

    • Em cada Margarida te vejo mãe!

      Caminhando pelo jardim entre margarida
      a saudade chega lentamente e adentra
      o pensamento que fantasia e inventa
      que a lida sem ti, mãe, é colorida.

      Mas, sinto no peito crescer a agonia
      Lembrar-te mãe, é chuva de ternura,
      pois neste trilhar minha desventura
      abrandaste com muita sabedoria.

      Quando a tristeza meu coração dominava
      Era em teus braços que encontrava acalanto
      Com tuas mãos, enxugava meu pranto
      com suavidade na voz me consolava.

      Já crescida em teu colo era criança
      E na paz do teu abraço adormecia
      no calor que em teu corpo havia.
      Ao acordar renascia a perdida esperança
      Na paz do teu abraço era compreendida
      e entendia os desígnios da vida.

      Hoje, cada vez que estou abatida
      volto ao jardim pra sentir-te em cada margarida
      Lá encontro forças pra seguir meus passos,
      pois sinto-me envolvida pela paz do teu abraço!
      Márcia A Mancebo
      (24/02/2018)

  • This reply was deleted.
  • NA PAZ DO TEU ABRAÇO...

    Quando você me abraça

    Sinto-me em paz, acolhida protegida

    Sinto-me forte, ai posso caminhar.

    Sem medo sem receios, pois sei que tenho.

    Um amigo companheiro que esta sempre

    Há me esperar com os braços abertos.

    Assim desejo estar sempre em teus braços

    Sinto a paz que tanto necessito para viver

    Em paz e com um sorriso a cada amanhecer,

    Há cada anoitecer.

    Eudalia Martins

This reply was deleted.
CPP