Minhas Atividade

Edvaldo Rofatto replied to Desi Gners's discussion RESULTADO: Poesia e Imagem- Evento encerrado em 16/09/2019 (em vídeo) in ImagPoesia
"Parabéns a todos os poetas! Agradeço a esta Casa a oportunidade de participar desta oficina e compatilhar do senso poético com todos os amigos!"
Set 23
Edvaldo Rofatto replied to Desi Gners's discussion Designer não Designado... ... . in ImagPoesia
"Artista da palavra, artista da imagem! Você, Zeka, é um presente para todos nós!"
Set 23
Edvaldo Rofatto replied to pedro antonio avellar's discussion Noites com Sol in ImagPoesia
"Versos com o olhar de quem sabe que a poesai é, antes de tudo, redenção e salvação da nossa frágil humanidade.Que possamos ler muito mais versos seus, Pedro!"
Set 23
Edvaldo Rofatto replied to Marsoalex's discussion DUALIDADE in ImagPoesia
"Uma frase muito conhecida me veio à mente ao ler seus veros,Marso: "Humano, demasiadamente humano."
Mas, em vista de seu belo arranjo de palavras, podemos acrescentar: "Poético, demasiadamente poético!!!""
Set 23
Edvaldo Rofatto replied to Marcia A Mancebo's discussion Harmonia in ImagPoesia
"Poesia com visão universalista e espiritualista - não é disso mesmo que o mundo precisa, que nóstodos precisamos?Um prazer ler esses seus versos, Márcia!"
Set 23
Edvaldo Rofatto replied to Eudalia Alves Martins's discussion Dois Momentos! in ImagPoesia
"Uma mulher à janela, admirqando o astro rei e e dama da noite - pura poesia, Eudália! Parabéns pelo momento poético!"
Set 23
Edvaldo Rofatto replied to Mena Azevedo Leite's discussion Em êxtase in ImagPoesia
"Parabéns,Mena! Seu poema contempla a imagem com a grande sensiblidade contida em cada verso!"
Set 23
Edvaldo Rofatto replied to Edvaldo Rofatto's discussion Lusco-fusco in ImagPoesia
"Grato, Mena! Um abraço!"
Set 23
Edvaldo Rofatto replied to Edvaldo Rofatto's discussion Lusco-fusco in ImagPoesia
"Grato, Lilian! Um abraço!"
Set 23
Edvaldo Rofatto replied to Jennifer Melânia's discussion Ponto de luz in ImagPoesia
"Gosto de ler metapoemas, Jennifer, como esse seu que confirma a dedicação do poeta a desvendar a fonte da própria poesia!Esse tema é dos mais caros aos poetas de nascimento!Parabéns!"
Set 17
Edvaldo Rofatto replied to Edvaldo Rofatto's discussion Lusco-fusco in ImagPoesia
"Grato, Jennifer!Um abraço!"
Set 17
Edvaldo Rofatto replied to Edvaldo Rofatto's discussion Lusco-fusco in ImagPoesia
"Grato, Eudalia! Um abraço!"
Set 17
Edvaldo Rofatto replied to Edvaldo Rofatto's discussion Lusco-fusco in ImagPoesia
"Meu amigo de T. I., tudo o que digaSerá pouco - um quase nada - Diante da tua palavra amigaA sete chaves guardada.......................................Grato, Zeka! Meu abraço em você!"
Set 17
Edvaldo Rofatto replied to Edvaldo Rofatto's discussion Lusco-fusco in ImagPoesia
"Grato, Pedro! Um abraço!"
Set 17
Edvaldo Rofatto posted a discussion in ImagPoesia
 

 
Set 15
Edvaldo Rofatto commented on Edith Lobato's blog post Poesia
"Metapoema é sempre uma meio de entendermos melhor esse fenômeno que é tão difícil explicar.De onde vem a inspiração? E como fazer da ideia uma materialidade em texto? E como pôr no espaço diminuto dos versos o tamanho de tnata emoção? E com quais pa…"
Jun 4
Mais…

Meu Blog

Comentarios

Para adicionar comentários, você deve ser membro de Casa dos Poetas e da Poesia.

Join Casa dos Poetas e da Poesia

Comentários

This reply was deleted.

Sobre Mim

Aniversário:

Abril 26


1) Qual o teu nome completo?

Edvaldo Aparecido Rofatto


3) Data de nascimento (não é necessário o ano)

26-04-1962


4) Local de residência (apenas Cidade, Estado e País)

Limeira-SP-Br


5) Mini Currículo (trabalho, experiências, gostos e ou preferências, família, produção poético-literária...).

Descobri os livros como preciosidade quando, criança, meu pai me proibiu de tocá-los para não os estragar. Desde então, a palavra me põe em alerta: para lê-la, há que se mergulhar num universo estranho de outrem e tentar se encontrar num labirinto (onde a saída? há saída?); para escrevê-la, há que se voltar para dentro de si mesmo, retroceder até o passo para o abismo e deixar-se cair: talvez, a meio caminho, aprenda-se a levitar, talvez no fundo se despedace e se refaça o lavrador de letras para retornar mais forte. Se for diferente, é rasa, é pouca, é desnecessária a safra. Palavra é o inferno onde legiões assomam, seduzem, assombram - e de lá se volta, em assunção, para certeza da nossa frágil humanidade, ainda mais quando esta reconhece a dignidade mesma da palavra que é insuficiente para a dimensão, que é postergada para o depois do sentimento,que é turva na sua superfície enganadora, mas absoluta no espelhamento do que somos em aleluia, ou em agonia.


6) Quem o/a indicou para a Casa dos Poetas e da Poesia (ou como ficou sabendo desta)?Cite o nome da pessoa que a/o indicou ou convidou.

Veraiz Souza


8) Está ciente que as poesias eróticas (caso as tenha), devem ser postadas no Grupo de Literatura erótica?

Sim.


9) Concorda em participar e interagir conforme possa, com os demais membros nas atividades da Casa?

Sim.


10) Está ciente que NÃO DEVE POSTAR mais que 3 (três) Mensagens por dia no Blog Geral?

Sim.


11) Deixe o Link do Facebook, Recanto das Letras ou outro site onde possamos saber mais de você.

http://www.facebook.com/rofatto.textos/?fref=ts


12) Publique neste espaço, uma Poesia ou texto de tua autoria. (não precisa ser extensa/o)

SATURNO Manhãs que nascem escuras para rubras noites de lava a derramar-se na ardente face, onde olhos baços de estátua têm pupilas voltadas para dentro – imprecisos horizontes de saaras que espocam miragens do que foi o sono antigo dos inocentes, o sonho profundo dos amantes, o nirvana almejado por defuntos... Mas desaparece o fogo fátuo na paisagem estendida aos vazios. Em mundos de nenhum limite, existem anacrônicos caminhos à margem de qualquer fronteira. Hoje é só um outro nome do Tempo, sempre ávido de seus filhos mortos – nenhum futuro, nenhum passado do que seria a quimera da felicidade, não fosse a carnificina dos deuses. EU, LÍRICO Como sangue, teu verso Levará tuas dores, Prazeres e temores. Põe nas tuas palavras Tuas falsas verdades E sinceras mentiras, Para seres, no tempo Mutável como tu, O de agora e de sempre. Aprende a renascer Se outra maior vontade Fizer no teu poema Teu mais fiel retrato. Abandona-te à sorte De ser menos quem és Para mais destacar, Além do mero humano, Teu berço de esteta E cova de espartano.


Profile Style - Long Answer - Codigos Ning - Não Responda esta Questão -

body{ background-color: #999; background-image:url(http://ekladata.com/srHxRLk-3bDJ-_tV8qMACNe3elg/paisagem-fundo.png) !important; background-attachment: fixed; background-position: bottom center; background-repeat: repeat; } a { color: #000!important; } a:hover { color: #000 !important; } .container { background: url(http://images.comunidades.net/tra/trabalhoslivita/brancotransparente.png) repeat scroll 0 0 transparent; border:2px ridge #000 !important; border-radius: 5px 5px 5px 5px; -webkit-box-shadow: 0px 0px 24px 4px #000; box-shadow: 0px 0px 24px 4px #000; padding-top: 25px; color: #000; font-family: Constantia; font-size: 125%; font-weight: bold; } .sheet{ background: url()repeat scroll 0 0 #e7e7e7!important; border:2px ridge #000 !important; -moz-border-radius: 5px; border-radius: 10px 10px 10px 10px; box-shadow: 0 0 4px 4px #000; padding: 20px 5px; } .profileCoverArea { background-repeat: no-repeat; } .profileCoverArea .profileCoverArea-box { background-color: transparent; } .profileCoverArea .profileCoverArea-box .profileCoverArea-bio { background-color: #999; color: #000; height: 170px; overflow-y: auto; opacity: 0.4; filter:alpha(opacity=40); } .profileCoverArea { height: 710px; } .banner-frame { border-radius: 0px; border-style: none; background-color: #6a6f01! important background-image:url () !important; height: 760px; }


Minhas fotos

Conquistas pela participação


Pontos ganhos: 31576
Publicaçoes
Recebido:
4 de Set de 2018
Comentario
Recebido:
4 de Set de 2018

Grupos que participo

Minhas Discussões

MAL-ENTENDIDO

                                                                                                                                                                                    

Saiba mais…

Autor em tela

CPP