Fórum

Gestores Adm

3671392025?profile=RESIZE_710x

2083884?profile=RESIZE_180x180Dia do Poeta

2083884?profile=RESIZE_180x180O Dia do Poeta é celebrado anualmente em 20 de outubro. Esta data celebra o profissional, que pode (e deve) ser reconhecido como um artista escritor, que usa de sua criatividade, imaginação e sensibilidade para escrever, em versos, as poesias que faz. O principal propósito desta data é incentivar a leitura, escrita e publicação de obras poéticas nacionais.

Origem do Dia do Poeta

2083884?profile=RESIZE_180x180O Dia Nacional do Poeta é comemorado a nível extraoficial, ou seja, não há uma lei que oficialize o 20 de outubro como Dia do Poeta no país. Mas, a data foi escolhida por uma razão bastante especial para os poetas brasileiros. No dia 20 de outubro de 1976, em São Paulo, surgia o Movimento Poético Nacional, na casa do jornalista, romancista, advogado e pintor brasileiro Paulo Menotti Del Picchia. A data homenageia e lembra este momento ímpar para os poetas do Brasil.

2083884?profile=RESIZE_180x1803671373417?profile=RESIZE_710xFonte da imagem:https://www.calendarr.com/brasil/dia-nacional-da-poesia/

 2083884?profile=RESIZE_180x180

Dia Nacional da Poesia

2083884?profile=RESIZE_180x180O Dia Nacional da Poesia é comemorado oficialmente em 31 de outubro no Brasil. A data foi criada em homenagem ao poeta Carlos Drummond de Andrade, um dos principais nomes da literatura brasileira. O Dia Nacional da Poesia foi oficializado através da lei nº 13.131, de 3 de junho de 2015.

2083884?profile=RESIZE_180x180

Tema: Poesia

2083884?profile=RESIZE_180x180Período de vigência

31/10/2019

2083884?profile=RESIZE_180x180Regras do evento

2083884?profile=RESIZE_180x1801.Todos os membros podem participar;

2.É proibido o uso do tema como título das obras;

3.Cada autor pode participar com 6 obras;

4. Cada obra deve ter no mínimo 8 versos e no máximo 25 versos.

5.As obras devem estar inspiradas no tema;

6.As obras devem ser postadas dentro do link deste Sarau e de modo escrito, na caixa principal do tópico;

7. Visa-se com este evento a publicação de um livro (vários autores) pelo sistema de impressão por demanda pelas ditoras: Clube dos Autores e Amazon;

8. Permite-se apreciação (comentários) nas obras;

9. Permite-se imagem ilustrativa para efetiva arte pelos designers.

2083884?profile=RESIZE_180x180Boas composições!

2083884?profile=RESIZE_180x180

Para adicionar comentários, você deve ser membro de Casa dos Poetas e da Poesia.

Join Casa dos Poetas e da Poesia

Enviar-me um email quando as pessoas responderem –

Respostas

  • SER POETA...

    Ser poeta é assim, cada inspiração dá uma poesia...
    Nada escapa aos olhos e a alma do poeta...

    Para o poeta, um lápis e um pedaço de papel tem valor imensurável,

    pois sua alma está sempre envolvida em versejar...

    A poesia embriaga o poeta de amor...
    Para o poeta seu coração é poesia...

    A poesia é a magia do poeta, com letras ele faz poesia,

    com a magia da inspiração, um belo poema

    Os poetas são os olhos de Deus aqui na terra para

    iluminar a sua criação na beleza da poesia

    Receber flores de poesia, é tecer toda poesia no jardim de poesia

    da alma, a poesia é o alimento do poeta

    NORMA AP SILVEIRA DE MORAES

    23/10/2019

  • 3675951281?profile=RESIZE_710x

     

    EU, POESIA

    Nasci poesia,
    numa tarde sem lua.
    nem sei se merecia;
    me criei na rua
    sem luz
    onde tem um jardim de acácias.
    abençoado por pássaros, fadas;
    jurado de versos.
    me fiz canto,
    brinquei com rimas,
    remei em lagos azuis.
    no meu canto

    lidei com sonetos,
    trovas, acrosticos.
    redondilhas, duetos.
    tanto disse de amor,
    amor me transformei.
    nas noites de brilho,
    declamei estribilhos,
    fui poeta, mutante, rei.
    mas que ironia...
    por overdose,
    ou virose,
    agora sei :
    morri poesia...

    gustavo drummond

  • Poesia...força que movimenta

    paz
    valor à vida
    sempre amar

    deito
    deixo fluir
    minha fé
     
    sonho
    vejo chegar
    esperança

    falo
    de minha arte
    depois durmo

    acordo
    vejo coisas
    caio na preguiça
     
    fico
    sóbrio para amar
    amo a vida, faço poesia
     
    cego
    quero ver
    apenas vejo
     
    carícia
    sou ingênuo
    deixo me levar

    lar
    onde durmo
    sem conhecer o lugar
     
    Prosa
    tanta conversa
    trocar ideias
     
    arte
    gosto da dança
    quero cantar
     
    amar
    é a virtude da vida
    poesia movimenta e dá vida
     
    Jose Hilton Rosa
  • Inspiração

    Numa agitação dos meus sentimentos
    A alegria de estar bem com a vida
    De viver intensamente os momentos
    Cai dos olhos, lágrimas comovidas.

    Em convulsão a alma toda comprimida
    Num suspirar me faz nada omitir
    Uma força faz-me forte, aguerrida
    Digo em poesia que não sei fingir.

    Como mulher apaixonada imploro
    Que a inspiração seja forte alimento
    Que impeça tudo que provoque choro
    Que eu consiga fazer dela sustento.

    Trazendo às minhas horas alegrias
    Não apague dos lábios o sorriso
    Faça que o Sol clareie meus dias
    Em oração todo instante isso, friso.
    Márcia A Mancebo
    (21/10/19)

  • Assim nascia a poesia...

    Em algum lugar que realmente não sei qual
    Em um tempo desconhecido talvez próximo ao distante
    Astros e estrelas parabenizavam lua e sol
    Nascia a poesia fruto da loucura dos dois inquietos amantes

    Vinda da necessidade humana de voar
    Recebeu a benção do anjo menino
    Levaria ao mar ou a terra
    O sonho do desejo divino

    Valsou ao som dos bandolins
    Orvalhou notas sobre a madrugada
    Iluminou as águas do Alentejo
    Resgatou sorrisos nos mais soturnos vilarejos

    Exibiu sua face na bela Edelweis símbolo de humildade
    Contra a tirania e sua intenção de aniquilar as cores da igualdade
    Defendeu os negros na conquista de sua liberdade
    Viveu sem limites fora do circulo da imortalidade

    Amiga fiel das palavras e da solidão
    Ao seduzir o decote de tua pele tornou-se profana
    Girou a cabeça pelas rendas da cigana
    Alimentou o mundo de fé e paixão

    Colocou a semente na alma de alguns humanos
    Regou-a com a loucura insana
    Cresceu sem limites dando a cada um imaginação e caneta
    Agora poderia descansar...
    ...sua essência viveria no coração de cada iluminado poeta

    Carlos Correa

This reply was deleted.
CPP