É INCOMUM

 

 

É INCOMUM

 

[Eles]

Se entreolham num instante e eternamente,

Beijam-se de mil modos  diferentes,

E se amam desde o primeiro dia.

 

 

Suas vozes se tocam inconsequentes.

Na loucura, paixão tão envolvente,

É carinho, tesão e poesia...

 

 

Quando o amor se encarna tão eloquente

Sem pudor, sem temor, muito indecente

Revirando as noites co' euforia.

 

 

O desejo não mais que complacente

Traz ao peito calor benevolente

E à alma, ternura e alegria.

 

 

Não se pode negar, e certamente

Faz o ser  aquecido e o corpo  quente

Corações em perfeita sintonia...

 

 

Foge à rima  e ao entendimento

Não tem como explicar de modo algum

Que defina a extenção do sentimento

 

 

"Amor, com tudo isso, é incomum"...

 

By Nina Costa, in 21/07/2018

Mimoso do Sul, Espírito Santo, Brasil.

 

Resultado de imagem para amor incomumde eros e psique

 

 

Para adicionar comentários, você deve ser membro de Casa dos Poetas e da Poesia.

Join Casa dos Poetas e da Poesia

Enviar-me um email quando as pessoas responderem –

Respostas

  • Gestores

    Relendo e apreciando!

    Parabéns!

    • Obrigada, Anjo!

      Beijos!

      Nina

  • Grandiossidade de versos. Parabéns!

    • Obrigada amiga!

      Tenha uma boa noite e  um fim de semana abençoado!

      Beijos!

      Nina

  • Gestores

    52469010?profile=RESIZE_930x

    • Não precisava ser tão rápido, menina! kkk

      Obrigada Marso, pelo carinho e atenciosidade!

      Beijos!

      Nina

  • Gestores

    52157751?profile=original

    • Grata, minha amiga Anjo!

      grande beijo!

      Nina

  • Gestores

    Lindíssimooooooooooooooooo! Aplausos!

    • Obrigadíssimoooooooooo! 

      Assim eu fico com o ego super inflado!

      Beijos!

      Nina

This reply was deleted.
CPP