Pode o amor viver sem sexo?

Pode o amor viver sem sexo?

Descabido questionamento

Indagação sem nexo

Pois o amor...

Ah!  O amor

Vai muito além de um momento

 

O amor vive da alma

Da coragem apaixonada

Além da forma ou da pele

Além do orgasmo que o corpo expele

 

O amor vive do sentir desmedido

Sem volúpia ou libertinagem

Sendo da amplidão o sustento

E da pureza a roupagem

 

O amor vive do encontro simples

Da plenitude e gosto evidente

Do zelo e adoração

Que não cabe num gemido

Nem no frenesi do tesão

 

O amor vive da liberdade

E subjugando os instintos

Redesenha os apegos e a vaidade

Mostrando à mulher, ao homem, e a toda a humanidade

Que não é de sexo que se vive

Mas de um sentimento maior

De amar, de amor

De saber sentir-se, felicidade.

 

Suzete Palitos

Para adicionar comentários, você deve ser membro de Casa dos Poetas e da Poesia.

Join Casa dos Poetas e da Poesia

Enviar-me um email quando as pessoas responderem –

Respostas

This reply was deleted.
CPP