Discussões de Marcia A Mancebo (21)

Classificar por

Artista surreal!

7474202278?profile=RESIZE_710xArtista surreal!

Ultimamente muito tenho pensado;
De onde vem do poeta a inspiração:
Seria da noite com céu estrelado.
Ou, do amor que cultiva no coração?

Não vejo resposta à minha indagação.
Uma incógnita veemente.
Seria, no entanto, uma ficção?
Creio

Saiba mais…

Sou mulher.

6800336693?profile=RESIZE_710x 
 
Sou mulher.
 
Um dia acreditei em teus carinhos
Teu jeito sensual me conquistou
Essa união sacralizamos no  ninho
Perdida em sonhos a vida me domou.
 
Fui tua...foste meu....e assim,  nós
seguimos nossos dias de mãos dadas.
 
Foram tantas alegrias e tantas a

Saiba mais…

Pingos de orvalhos

Pingos de orvalhos 

Olhando para os confins, a pensar;
Buscando muito longe o meu passado.
Tempo lindo, que hoje vejo findar.
A maneira de viver, mudou agora.
Belos momentos foram enterrados.

Mas, é outra a estrada do meu caminhar.
É linda, extensa, c

Saiba mais…

Manhãs de outrora

Manhãs de outrora

É momento de passar esponja em mágoas.
É momento de lustrar com esmero a alma.
Jogar fora sentimentos fúteis na água
Para sentir -se serena, em paz ...ter calma
Para superar esse tormento que nos assola.

É tempo de reflexão, de pôr em

Saiba mais…

Reflexão

Reflexão

O que me sobra no meu dia a dia
não é previlégio de todos, infelizmente.
Doar um bocado ao necessitado
posso fazer o próximo contente.

Enquanto desfruto de muito, exagerado
há quem careça e não peça a ninguém.
Leva na face a falta e segue ca

Saiba mais…

Desventura

Desventura.

No exílio no quarto a recordar
De um tempo que ficou na lembrança
Vejo tua imagem bela moldar
Meu mundo de desesperança.

Entre lamentos e dores... escuridão
onde a tristeza fez seu abrigo
A saudade prensa o coração
Sinto, não ter caminhado

Saiba mais…

Desabafo

Desabafo

O vento frio invade a solidão
a saudade se instala na mente
O pensamento detém o coração
Mas, a alma a aceita tristemente.

Uma agulhada, um exílio e uma dor
Uma dor da ausência sem explicar,
o desatino recorda o amor
que foi pra longe sem mais

Saiba mais…

Pedras e vãos...

Pedras e vãos...

Deitar em cama alheia é arriscado.
A mim não traz nenhuma alegria
Sou adepta a um amor dedicado
Que ao acordar não seja utopia.

Momentos bons devem ser infinitos
Não apenas puro capricho, ilusão
Deitar – se em cama alheia  é esquisito

Saiba mais…

Ano novo, renovação

3809189287?profile=RESIZE_710xAno novo, renovação

O ano findou trazendo esperança aos corações.
Os olhos veem os dias com
gratidão.
A fé em Deus é sempre a solução
E a mente,fecha-se as rejeições.

O perdão será dado plenamente.
Pois, a mágoa não traz benevolência.
Somente te

Saiba mais…
CPP