Gestores

Abandono

Solitude” – Embrace the Aloneness - Embrace Your "Self ...

Abandono

.

Hoje acordei sem ti...

O frio da cama me revelou sua ausência.

Lembrei-me com ardor de cada verso de amor

declamado no calor da paixão, numa rima perfeita,

em sintonia com o movimento de nossos corpos

perdidos em lençóis, exaustos de prazer...

Mas você se foi... Não te encontrei...

Será que foi um sonho?

Ainda sinto o toque de seus lábios em meu corpo...

Perco-me nessa poesia de amor e abandono,

onde as lágrimas teimam em rolar, molhando o travesseiro

e banhando meu rosto que, instante atrás, era acariciado por ti...

Sinto seu abandono... Meu coração chama por ti...

Perdido nestas tramas...

Como uma poesia de versos tristes

e rimas desencontradas.

 .

Maria Angélica de Oliveira - 09/01/16

Imagem: “Solitude” – Embrace the Aloneness - Embrace Your "Self" (meditation)

Enviar-me um e-mail quando as pessoas deixarem os seus comentários –
Gestores

Angélica

Para adicionar comentários, você deve ser membro de Casa dos Poetas e da Poesia.

Join Casa dos Poetas e da Poesia

Comentários

  • Estimada amiga poetisa; seus versos são a prova de que mesmo da tristeza, ainda se consegue extrair coisas boas... Meus parabéns...! Deus te abençoe. 

    • Gestores

      Obrigada Geraldo pela visita!!

       

  • Maravilhoso belíssimo poema ameiiíii 

  • Uauuuu!

    Maravilhoso poema, Angélica!

    Parabéns querida.

    Bjs

    • Gestores

      Obrigada Márcia querida pelo carinhoso comentário!

       

  • Parabéns pelos inspirados versos,

    bem como pelo singelo fundo musical,

    ornando desta forma sua leitura.

    Aplausos! 

    • Gestores

      Obrigada José pela visita e pelo comentário!

       

This reply was deleted.
CPP