Gestores

CeuZinfernos- (Artteatro Educativa: Abrigo das Almas)

4435387992?profile=RESIZE_584x

Céus... Zinfernos (que é diferente de Hades)... // Bem-me-Quer... Mal-me-Quer... Black versus Red... // Amor comPaixão grudada... "Os Quintos dos Infernos" que ainda vão para a Coroa... // Prazer e Dor... DuaLidades...  - O Purgatório entre os 18 Giros do Céu e do Inferno Dantesco...
...
Venha viajar com o Dantesco Poeta para esses UniVersos "Além do além... - Vem comigo vem!!!
*** *** *** ***
CeuZinfernos... - No Abrigo das Almas***
*** Script inédito para ser Teatralizado, formando "Mini-Peça-Teatral"
*** * ***
Prologo: Narrador:
*
Sentimentos travestidos de Angels ou 'que tais'
Batem à Porta da Alma que vagando ao "leu"
Não sabe se vai para o Hades, e ou para o Ceu.
Assim assista a esta Peça em "première"
qual a intuída pelo Poeta Dante Alighieri:
**
Act I - A Voz do Amor
**
Eu sou o Amor... Abra a Porta Alma!
Quero te mostrar o Paraíso
Quero te mostrar que ter juízo
Não significa se privar de um só prazer
Muito menos eliminar o Ter pro Ser
Quero te mostrar que ter pudor
Não é prova que comprova ser decente
Pois o indecente é se esquivar ao amor!
**
Act II - O Calor da Paixão...
**
Abra a Porta Alma – Sou a Paixão!
Sou eu quem faz vibrar o Teu coração
Sou eu que às vezes chamas de loucura
De sua sede de amar sou sempre a cura
Que não raro, te libero a ser impura
Que te ensino a dizer Sim e nunca Não
Que reviro os Teus olhos com tesão!
**
Act III - A Felicidade EnCena...
**
Sou a Felicidade Alma... Deixe-me entrar!
Uma vez estando em ti – serás amada
E amarás sem pensar que está errada
E em cada dia eu me aumentarei em ti
De tal forma que nunca envelhecerás
E um futuro bem feliz é o que terás
E mais que isso, SER feliz é o que serás!
**
Act IV - O Poder dos Ciúmes
**
Sou o Ciúme Alma – Vou entrar!
Venho a mando da Paixão que Te devora
Sem passado – sem futuro – sou o agora
E sem mim, Tua relação com Teu amado
Com o tempo se tornará uma caretice
sem importar o que se fala ou quem disse
E morrerás na tal mesmice da mesmice
**
Act V - ConFiança...
**
Confie em Mim Alma deixe-me entrar
Sou a Confiança! Habitando em seu ser sempre terás
Os belos sonhos quais os de u’a criança
E por mais que possam haver problemas
Em ti nunca comigo faltará a esperança
Não terás medo de seu Amado perder
E com certeza, muito mais amada vai ser!
**
Act VI - A Permissividade...
**
Estou em ti Alma – sou a permissividade!
Podes agora fazer tudo de Tua vontade
Em meu nome e de Tua excelsa liberdade
Pode até navegar na promiscuidade
Esquecer o que chamam de ter recato
Liberar o Teu instinto animal e sexual
Sem pensar que isso seja errado ou mal!
**
Act VII - Perdão PerDoador...
**
Alma – Deixe-me entrar – sou o Perdão!
Não é porque estou em ti que pode errar
Mas Humana – sabes que isso acontece
E para que não carregue a nefasta culpa
Que maltrata e faz sofrer um coração
Sempre poderás me usar e aprenderás
Como serás mais feliz dando o Perdão!
**
Act VIII - O Sentimento de Posse...
**
Possessividade eu Sou. Deixe-me entrar
Alma que nesse corpo faz morada!
De que adianta Você viver até morrer
Passar a Vida, sem dizer - Você É meu!
Mesmo quando a sua voz só virar tosse
O seu Amante, será SEU e – Tua posse
Que dominarás segundo seu bel prazer
Fazendo Amor, quando lhe apetecer!
**
Act IX - O AMOR do Amor...
**
E nessas falas que Minh’Alma junto com o corpo
Se debatiam nas contradições das Dualidades
Alguém bate à Porta, e com a Voz mais sensual
Que ultrapassa todas as barreiras do bem e mal
Ouve-se a Voz: - Sou o Amor... O Amor do Amor
– Deixe-me entrar!
E por favor, deixe a Porta aberta doravante
O Amor Primeiro que entrou em seu coração
Lá fica preso sem eu que sou o Amor em Ação!
**
Act X - As Dores do Amor...
**
Terás na Vida muitas vezes que mergulhar
Nos 9 Circulos de Teu Inferno que é particular
E dentre gemidos dos prazeres mais desejados
Sentirás na pele o fogo com terríveis dores
E ainda assim, estarão contigo todos os amores
Onde se inclui o maior Amor que vivenciou
E que no fundo foi quem pra lá te mandou!
**
Act XI - O AMOR Supremo...
**
E como se livrará do fogo de seu Hades particular?
Onde estarás no maior flagelo e indescritível dor?
Ah... Saibas que lá é que encontrarás a D E U S
Te dando a mão ELE – que É “O Inventor do Amor”!
**
Act XII - O Encontro dos Sentimentos.
***
Assistam brevemente o repositório / da passagem da Alma pelo Purgatório!!
gaDs
*** *** *** ***

Se tiver coragem, assista trailler da Peça no vídeo abaixo

Enviar-me um e-mail quando as pessoas deixarem os seus comentários –
Gestores

"Vamos disseminar as Sementinhas de Amor pelas Estradas de nossas vidas!"

Para adicionar comentários, você deve ser membro de Casa dos Poetas e da Poesia.

Join Casa dos Poetas e da Poesia

Comentários

This reply was deleted.
CPP