DESCULPE MINHA OUSADIA

 

 

8255663880?profile=RESIZE_584x

 

DESCULPE MINHA OUSADIA
Eri Paiva

Amigo, amiga, Feliz dia,
Apesar da pandemia!

Que a vida lhe sorria,
Era tudo o que eu queria!

Vista a alma de alegria,
Não guarde melancolia!

Busque entrar em sintonia
Com uma bela melodia!

Não se renda à euforia de
De quem vive na folia!

Breque a monotonia,
Usando a artesania...

Toda arte o belo cria
E sua alma se delicía.

A qualquer desarmonia
Põe nela boa energia!

Todo mal que se envia
Vai, volta e nos contagia!

Quem o Bem quer, eu diria,
Qualifique sua energia!

Nesta minha serventia,
Desculpe minha ousadia!

Parnamirim/Rn
Em 13. 11. 2020

Enviar-me um e-mail quando as pessoas deixarem os seus comentários –

Eri Paiva

Para adicionar comentários, você deve ser membro de Casa dos Poetas e da Poesia.

Join Casa dos Poetas e da Poesia

Comentários

  • Gestores

    8260245286?profile=RESIZE_710x

  • Gestores

    Poema cheio de positividade!

    Lindos dísticos, Eri.

    Aplausos! 

    • Amiga, obrigada!  Feliz Dia cheio de positividade! Bjs 

  • Esperança. Lindo texto. Parabéns prezada Eri Paiva

    Antonio

    • Prezado poeta Antônio Domingos, muitíssimo grata pelo gentil e confortável comentário! 

      Grande abraço  carregado de bênçãos natalinas.

      eripaiva

This reply was deleted.
CPP