Inspirações

My New Orleans

A distância entre seus olhos
É o menor caminho entre você e eu
Decidi então que deveria ir embora
Foi mais ou menos assim que aconteceu

Se todos os meus sonhos se tornassem reais
A vida seria incompatível neste momento
Então decidi escolher apenas um
E segui caminhando até New Orleans

Sentei numa esquina vendo os sonhos
Um a um se misturarem à chuva que caía
Se espalhava já sem qualquer chance de retornar
Imaginava que iriam na direção do mar

Aqueles diferentes desejos perdidos e rasgados
Se reuniam nos esgotos das cidades
Ganhavam força ao se encontrar naquele lugar
Que ironia todos também iam para New Orleans

Elevados aos céus todos aqueles sonhos renegados
Caíam com tempestade sobre minha cabeça
Quando vi o que tanto procurava
A casa do sol nascente estava bem à minha frente

Minha mãe estava de braços abertos
Agulha e linha em uma das mãos
Aroma de café numa xícara com perdão na outra
E sem uma palavra costurou meus sonhos

Mãe eu sei que me perdi por aqui
Saí deste lugar com a tarefa de aprender
O Pai apostou tanto em mim
E não consegui ainda esvaziar meu baú

Mãe diga para meus irmãos os que ainda estão por vir
Que é muito mais difícil do que imaginamos
Que eles não se percam nos vícios e desperdícios
Que não se tornem ruínas assim como eu fiz

Mas sei que não está na hora de ficar
Obrigado minha mãe por devolver meus sonhos
Sei agora foram seus olhos que eu vi
Que me trouxeram até aqui

Agora já não havia tempestade
Afinal ali a cada dia era um novo sol nascente
Peguei meu baú e meu violão caí na estrada novamente
Quem sabe até voltar descubro o caminho da felicidade

https://www.youtube.com/watch?v=scTqpfL9WMA

 

Carlos Correa

Enviar-me um e-mail quando as pessoas deixarem os seus comentários –

Para adicionar comentários, você deve ser membro de Casa dos Poetas e da Poesia.

Join Casa dos Poetas e da Poesia

Comentários

This reply was deleted.
CPP