Noites de setembro

Noites de setembro

 

Ah! Como me lembro!
Daquelas noites enluaradas
E quentes de setembro

Eu e você, românticos
Tendo o céu como testemunha
Namorávamos olhando a lua

Entre abraços e beijos
Calores dos nossos corpos
Aumentavam o desejo

Ah! Que saudades de setembro!
Dois enamorados, abraçados
Éramos só nós dois na rua...

Os passeios, os beijos, os sussurros
Agora você distante, eu saudosa
E de tudo me lembro

Na poesia eu recrio o amor
Que espera fluir novamente
Estou com saudades da gente

 

 

Lilian Ferraz

25/03/2022

 

https://palavrasnotasevivencias.blogspot.com/

Enviar-me um e-mail quando as pessoas deixarem os seus comentários –

Lilian Ferraz

Para adicionar comentários, você deve ser membro de Casa dos Poetas e da Poesia.

Join Casa dos Poetas e da Poesia

Comentários

This reply was deleted.
CPP