Ó coração

 

7573023493?profile=RESIZE_400x

 

Ó coração

 

Ó coração que de mim judia!

Tu és culpado de vários enganos.

De querer o que eu nem podia,

Num pesar, afoguei-me em prantos

 

Por ti, me entreguei à fantasias,

Que me fizeram sofrer tanto.

Alheia à razão, busquei a rebeldia,

Eis a causa desse desencanto.

 

Coração ferido, me deixou arredia.

Desconfiada , fico no meu canto.

Nem sei como te inserir na poesia,

Metrificada ou num poema branco.

 

Ó coração que de mim judia!

Ame, mas não me cause mais espanto.

Devolva-me a alegria que eu sentia,

E te aclamarei em versos, eu garanto!

 

 

Lilian Ferraz

22.08.2020

 
Enviar-me um e-mail quando as pessoas deixarem os seus comentários –

Lilian Ferraz

Para adicionar comentários, você deve ser membro de Casa dos Poetas e da Poesia.

Join Casa dos Poetas e da Poesia

Comentários

  • Lilian

    o coração é cego,surdo e mudo

    as vezes nos leva ao encanto e as vezes nos leva ao pranto

    muito bonito

    davi/guardião do amor

    • Gratidão pela sua atenção e apreciação.

  • Que lindo !! mas que injusta culpa tem o coração se buscou a rebeldia junto a razão? como pode ele judiar se dele vem tão bela poesia?  Adorei...fica com Deus

    • Grata, nobre poeta pela apreciação. Abraços cordiais

  • Belíssimo poema, Lilian!

    Me encantei com teus versos.

    Parabéns querida.

    Bjs

    • Fico encantada com sua visita e terno comentário. Bjs

  • Um belo poema sem qualquer dúvida.

    O fecho está muito bom.

     

    1 ab

    • Agraciada estou com sua apreciação. Um grande abraço. 

  • Corações não são responsáveis, são vítimas, e como vítimas devem ser tratados regados pelo que vem da alma.

    As culpas geralmente vêm de fatalidades, e contra estas fatalidades, chora-se muitas lágrimas de um dos olhos e: No outro olho rola somente uma lágrima para marcar presença de logo livre e limpo este olho contagia aquele que largou muitas lágrimas, e logo, os dois olhos estão sem lágrimas e olhando o horizonte lá longe e o alvorecer de novos dias para se viver. Cicatrizes serão detalhes das lembranças.

    Estimada Lilian. Adorei seus versos e sou fã de sua Poesia e você sabe disso.

    Belo final de semana

    Abraços de Antonio Domingos

    • Fico agraciada com sua   luminosa presença. Grata e um grande abraço 

This reply was deleted.
CPP