Gestores

O Menino e a Muleta --- Act VIII - ParaOlimpiadas

3999093623?profile=RESIZE_710x
O Menino e a Muleta --- Act VIII - ParaOlimpiadas
.
Chiquinho acordou assustado:

- Que grito foi esse? - Que aconteceu?
- Foi Eu! - Falou uma voz "tri" empolgada.

Chiquinho, ainda sonolento, esfrega os olhos aliviado: - Você me assustou "Mula" - falou com ar de bravo para a Muleta que ele carinhosamente chamava de "Mula".
- O que houve? - Indagou

- É a nossa chance Chiquinho - respondeu Mula - defronte a TV ainda ligada - tão tarde. - Veja só - vai haver no Rio de Janeiro no Brasil, uma "Para-Olimpiadas" - só para os Deficientes! - Você não acha que Nós poderemos ir?

- Eu vi na TV hoje cedo - resmungou Chiquinho - Mas lá só irão os Deficientes escolhidos - os que correm ou nadam muito... Os mais fortes...

- É... Tá bom - E dai! - Nós também corremos bem - argumentou Mula - Lembra daquele dia que corremos 'pra valer' com medo do cachorro solto na Rua?
- Ah - lembro sim... Naquele dia, nós 'voamos' riu Chiquinho.
- Então - continuou Mula - se nós treinarmos, nós vamos correr mais ainda.
- Legal - animou-se o Menino - O que vamos fazer então?

- Ora... Vamos nos inscrever. Você verá - Uma vaga vai ser nossa!
Assim Chiquinho foi com Mula pedir para o seu Pai leva-los ao Deptº de Esportes, patrocinador das Olimpíadas. Bastaram 15 dias de treino e Chiquinho e Mula conseguiram ficar em 6º lugar na classificação geral, o que lhes permitia participar da ParaOlimpiada.

Chiquinho exultava de alegria pois, sentia uma sensação nova - estranha. Até comentou com Mula - sua inseparável Amiga:

- É Mula... Nós podemos ser Deficientes físicos sim. E eu sempre me julguei infeliz por isso. Mas agora, e cada vez mais, percebo que Eu é que me fazia infeliz!
Gozado - Mula - A Felicidade não vem do fato de eu ter ou não ter pernas...
- A Felicidade, vem de dentro de Mim - não sei explicar!

E se abraçou com Mula - com os olhos brilhando de esperança e certeza em um futuro feliz!
...
by: Zeca-Feliz - da Série ZK: "O Menino e a Muleta" --- gaDs!
 
 

 

WN

"NÃO PERCAM Neste mesmo recanto a Parte IX - Brevemente

 

WN

WN

Enviar-me um e-mail quando as pessoas deixarem os seus comentários –
Gestores

"Vamos disseminar as Sementinhas de Amor pelas Estradas de nossas vidas!"

Para adicionar comentários, você deve ser membro de Casa dos Poetas e da Poesia.

Join Casa dos Poetas e da Poesia

Comentários

  • Gestores

    A pessoa com deficiencia pode fazer muita coisa. O que precisa é de apoio, só a vontade não chega.

    Eu vou falar por experiencia propria.

    Há uns anos atrás, andei numa academia de danças de salão. O meu sonho era participar num campeonato. O meu país, não tem professores preparados para dar aulas a pessoas em cadeira de rodas e para participar num campeonato, é preciso saber a técnica. Só a vontade de dançar, não chega.

    Contatei  com vários países da Europa  que tinham academias para pessoas em cadeira de rodas e enviaram-me videos com aulas de danças de salão.

    Fui com os videos a todas as academias de dança  da minha cidade e nenhuma mostrou interesse  em dar  as aulas.

    Já desanimada, encontrei uma academia, pouco conhecida que aceitou dar aulas. O dono da academia disse que seria ele a dar as aulas e que seriam gratis. Só queria que nós deficientes, fizessemos publicidade à academia dele.

    E foi assim, durante um ano. Eram jornalistas na academia, dei muitas intrevistas e citava sempre o nome da academia e do dono. Era a unica academia de danças de salão a ter uma turma de cadeira de rodas em Portugal.

    Estava tudo a correr muito bem.

    E academia também estava a correr muito bem, passou a ser muito conhecida , a ter muitos alunos sem deficiencia. 

    Conclusão: O dono da academia começou a dizer que não tinha tempo para a turma de cadeiras de rodas.

    Um dia tivemos uma grande discussão, eu  enervei-me e deitei-lhe as mãos ao pescoço de raiva.

    Ele aproveitou-se de pessoas com deficiencia para academia passar a ser conhecida e quando já não precisava de mais publicidade, já não tinha tempo para a turma de cadeira de rodas.

    Ele acabou com as aulas para deficientes alegando que foi agredido por uma deficiente- EU.

    Há muito tempo que ele queria acabar e eu dei-lhe um motivo. Os outros alunos ficaram contra mim, dizendo que eu fui a causadora das aulas terem acabado. 

    Não, não fui. Eles não ouviram o que ele disse dos defientes quando eu lhe deitei as maos ao pescoço. Ele só se aproveitou de nós.

    Na verdade só lhe apertei o pescoço, a minha vontade era mesmo esgana-lo.

    E foi assim....ainda procurei outras academias mas nenhuma aceitou.

    Foi um dos meus sonhos que ficou para trás...participar num campeonato de danças de salão.

    Boa postagem, meu pincipe.

    Sempre a pensar em todos.

    Beijinhos

     

  • Gestores

    Muito interessante em vários aspectos.

    Parabéns Zeca!

  • Seus textos fazem qualquer um refletir na vida...

    Meu aplauso e meu abraço fraterno amigo Zeca

    FC

    • Gestores

      Querido Poeta e Menino D'Além Mar...

      Que alegria receber tua visita...

      Logo cruzo os mares para retribuir - Amado PoetAmigo!

      Bem Hajas! gaDs

  • Gestores

    3741464891?profile=RESIZE_710x

    • Gestores

      GRATIDÃO

      TA...

      VC É U'A Angel!

      gads

  • Gestores

    3999191810?profile=RESIZE_710x

This reply was deleted.
CPP