UM OLHAR

UM OLHAR

 


Nossos olhos são janelas
para a alma se mostrar...
Lá fica ela atrás delas
a gente a vê-la por elas
por um simples, mero olhar

 


Adoro fazer o estudo
de todo o olhar que chega...
Este é doce, tem veludo,
aquele diz sobretudo
que a alma não (me) sossega

 


Este tem, no forte brilho,
tais indícios de calor,
que sendo do amor filho
está sempre a mostrar o trilho
que nos conduz ao amor

 

 

Aquele é frio, gelado...
está no oposto da luz!
Chega-nos desconfiado...
e assim desacreditado
a nada bom nos conduz

 


Porém pode haver mudança
num olhar desses assim:
A base é a confiança!
Acreditar na mudança
do mundo, para um jardim.

 


Joaquim Sustelo
(editado em TRANSPARÊNCIAS DA ALMA)

Enviar-me um e-mail quando as pessoas deixarem os seus comentários –

Para adicionar comentários, você deve ser membro de Casa dos Poetas e da Poesia.

Join Casa dos Poetas e da Poesia

Comentários

  • Belo poema!!!! Parabéns Joaquim.

    Bjs 

  • Nossos olhos são janelas 

    " Este seu olhar/ quando encontra o meu/ falam de uma coisa / que nem quero acreditar" ( trecho de uma linda música)

    Sim, os olhos contam tudo, ou contam muito 

    Parabéns por belos versos... Linda Poesia Joaquim Susteio

    Abraços de Antonio Domingos 

This reply was deleted.
CPP