Vocação

9304679859?profile=RESIZE_710xVocação

Sou sombra do vento na longa jornada
Perdida entre as flores a espera do amor
Meu canto é baixinho e cheio de dor
Caminho em silêncio, sou rês remarcada
Não tenho mais pressa, não sigo apressada
A vida é tão curta, não tenho ambição
Não choro, não grito, sequer de emoção
Com pés calejados, com mãos benzedeiras
Sou filha obediente, boa companheira
Por onde palmilho, me dou por inteira.

Marcia A Mancebo

Enviar-me um e-mail quando as pessoas deixarem os seus comentários –

Para adicionar comentários, você deve ser membro de Casa dos Poetas e da Poesia.

Join Casa dos Poetas e da Poesia

Comentários

  • simplesmente parei aqui e fiquei admirando este poema como vendo uma paisagem encantadora...um por do sol....que lindo@!!!!!!!! Fica com Deus

    • Obrigada

      Bjs

This reply was deleted.
CPP