Ourives das Palavras

Ourives das Palavras

*

Ourives das palavras

O poeta genuíno

Impulsionado pela poesia

Usando palavras, matéria prima

Cria joias em forma de versos

Nestes deixando marcadas

As tantas veredas por ele trilhadas

Com amor, desilusão,

Esperança, sofrimento,

Reconhecimento, ingratidão

Dor, paixão

E ao mundo oferta seu tesouro

As emoções que regem seu coração

Fazendo rir, fazendo chorar

O (poeta) leitor do lado de cá.

*

Giselda Camilo

Enviar-me um e-mail quando as pessoas deixarem os seus comentários –

Giselda Camilo

Para adicionar comentários, você deve ser membro de Casa dos Poetas e da Poesia.

Join Casa dos Poetas e da Poesia

Comentários

  • Que o Altíssimo permita que esse dom sublime perdure por muitos e muitos anos.

    • Amém, querido SAM! E o Altíssimo há de permitir. Abraços.

  • Gestores Adm

    Se o ato faz bem como diz os versos que venham mais e mais poemas da lavra do ourives.

    Parabéns!

    • Este poema foi escrito com meu coração em agradecimento ao poeta, no seu dia...extensivo a todos poetas e poetisas que me fazem viajar pelos seus sentimentos. Bjos, querida Edith! Obrigada!

  • Gestores

    Que os ourives continuem nos brindando com suas joias poéticas assim como esta. Belíssimo! Bjs

    • Obrigada, amiga Marsoalex! Ourives que por aqui não faltam! Meu abraço fraterno a todos e todas neste dia! Bjos.

  • Linda construção poética, tecida pelo ourives

    das palavras doces,castas,genuínas

    Meus aplausos e aquele abraço fraterno

    FC

    • Obrigada, amigo Frederico! Uma singela homenagem a(os) poetamigos(as) desta Casa. Abraços poéticos!

This reply was deleted.
CPP