CAMINHOS DOS SONHOS...

CAMINHOS DOS SONHOS...

Enfim estava a caminho.
Depois de um suspiro e um olhar despreocupado pela janela do ônibus inclinou levemente a cabeça e sorriu enquanto olhava atento observando...
Um caminho que a muito tempo atraz tinha feito, sim Júlio ainda muito jovem tinha saído de sua terra natal e veio para São Paulo... 
Assim costuma dizer que São Paulo é sua terra natal, uma terra muito boa e acolhedora!
Terra que recebe com os braços abertos a todos que aqui vem, do interior e de outros estados...
Vindo a procura de um bom trabalho, com que pudesse formar uma família e com o seu trabalho pudesse sustentar os filhos que a vida lhe daria!
Foi pensando assim que Júlio veio á São Paulo!
Dentro de pouco tempo começou uma vida nova,não foi fácil, mas com muita perseverança começou a sua luta!
Morou em uma pensão com outros amigos, logo tratou de arrumar um emprego.
No começo levantava bem cedo para ficar nas portas das firmas, nem sempre conseguido preencher uma ficha, mas nem por isso desanimava!
Estava sempre arrumadinho, para que pudesse passar uma boa impressão!
E assim Júlio fez todos os dias, até que um belo dia foi chamado para fazer alguns testes nos quais para a sua alegria foi aprovado!
Conseguiu o emprego que tanto almejava!
Júlio começa então em seu novo trabalho. Os meses foram passando, um, dois, três, foi enfim efetivado...
A sua felicidade foi tremenda!
Na noite deste grande dia escreve todo saudoso e todo alegria para a sua família!
Contando toda a sua história na grande cidade, mas no final queria mais...
Contava que já havia arrumado uma vaga em um cursinho pois para mais a frente iria fazer uma faculdade!
Trabalharia e estudaria...
Contou também que tinha já uma namoradinha...
Já em uma carta escrita meses depois já informava a querida mãezinha que estava noivo!
Maria era uma boa moça, esforçada e trabalhadeira!
Júlio então esta a pensar em formar uma família com a sua querida Maria! Ela também fazia faculdade e não viam a hora de se formar!
Anos depois vieram a se formar, com a felicidade estampada na face ...Seus olhos em lágrimas continham toda a felicidade de seus corações!
Agora sim era hora de pensar em se casar e levar a sua querida Maria para conhecer a sua terra e seus pais...
Já há muito tempo os dois trabalhavam para conseguir o dinheiro para fazerem esta viagem tão esperada e sonhada e acalentada com carinho bem no fundo do coração! E da alma!
Já era o fim de ano, dezembro então já estava acabando, quando os dois rumaram para a cidade de Júlio..
Júlio foi até a agência comprar as passagens, enquanto Maria se ocupava em arrumar as malas...
Assim chegou a hora da tão esperada viagem!
O casal em festa se dirigiu até a rodoviária, Júlio parou por um instante, atento àquele lugar onde passara a algum tempo com tantos planos na mente e sonhos no coração!
O lugar onde tinha chegado com uma pequena mala de mão mas com muita vontade de vencer!
Enquanto passeava com o olhar pelo lugar, notou como algumas coisas estavam diferentes...
Na verdade ele também tinha mudado, e muito!
Por fim entraram no ônibus e por um momento sentiu uma grande emoção,pois estava fazendo o caminho de alguns anos traz, mas desta vez estava tudo tão diferente...
As coisas mudaram tanto!
Vasculhou a memória, percebendo quanta coisa estava guardada dentro de si!
De repente quantas lembranças:
A casa pequenina na sua pequena cidade, seus pais chorosos a lhe acenar um adeus constrangido!
Quase começou a chorar, mas Maria percebendo a sua emoção chamou a sua atenção e assim os pensamentos nostálgicos ficaram para traz!
Era tarde, uma tarde quente e ensolarada quando o casal finalmente entrava na rodoviária de sua pequena cidade.
Nervoso Júlio e Maria curiosa, desembarcaram na pequena cidadezinha do interior de São Paulo, onde a um canto estavam os pais de Júlio, que os esperavam ansiosos!
Abriram sorrisos largos nas faces e os braços estenderam ao jovem casal que se encaminhavam na direção deles!
Receberam-nos alegres e dentro de instantes seus olhos embaçados davam conta de um novo Júlio...
Não era mais aquele jovem que em anos passados deixavá-os e seguia em direção a seus sonhos...
Dentro de pouco tempo notaram com alegria e contentamento que o seu filho querido havia vencido todos os obstáculos em sua vida!
Júlio incrédulo ainda de tudo o que vivera e tendo os pais nos braços reafirmou inda uma vez a sua história, que agora tinha como participante de extrema importância a sua querida Maria!
Antes de se despedir para ir dormir, antes de pedir a bênção dos queridos pais, sorriu intimamente e deu graças a Deus por ter ali uma família feliz...
Havia vencido finalmente... 
E se preciso fosse rumaria á São Paulo novamente, com a face colada na janela do ônibus e começaria tudo novamente...
Estava feliz!

Eudalia alves martins
Amigos um conto um tanto longo
mais tive vontade de publicar aqui
Com este conto ganhei meu primeiro prêmio
como escritora revelação...

 

Para adicionar comentários, você deve ser membro de Casa dos Poetas e da Poesia.

Join Casa dos Poetas e da Poesia

Enviar-me um email quando as pessoas responderem –

Respostas

This reply was deleted.
CPP