Complexidade

3536747264?profile=RESIZE_710xComplexidade

A complexidade cruza meu caminhar
e o véu da noite cobre- me de incertezas
Por onde sigo, um vulto negro cega o olhar,
Abala sentimentos e esconde a certeza.
Não consigo discernir o certo ou, errado.

Há tantas divergências nos traçados
Que pensar sem que queira, fica conflitado.
Me condeno, perco o sono na noite
Meditando se encontro solução;
Estou cansada de levar da vida açoite.
Às vezes, descontrolo, perco a razão.

Então, vagueio num labirinto fundo.
Se tomar decisões apressadas
estou sujeita a entender o mundo
diferente do desejado e condenada
serei. Sem direção ficarei desnorteada.

É muita contradição e ruínas
abalando a mente e o coração.
Enquanto a mente vê turmalina
O coração perde- se num tufão
de dúvidas que afetam a atenção.

Embora tentasse resolver, não pude
entender, que fazer pra dar paz ao coração.
Chego a conclusão clara e rude,
que meu pensamento entra em ebulição,
sou com certeza um poço profundo de dúvidas.

Márcia A. Mancebo (11/08/19

Para adicionar comentários, você deve ser membro de Casa dos Poetas e da Poesia.

Join Casa dos Poetas e da Poesia

Enviar-me um email quando as pessoas responderem –

Respostas

  • Lindo! Muita inspiração! Parabéns, amiga! Bjs.

  • Gostei! Muito, muito boa! Pra ser lida e relida muitas vezes!!!

    • Obrigada, Pedro!  

  • Aplausos Marcia, linda sua inspiração. Parabéns.

  • Gestores

    137163141?profile=RESIZE_710x

  • Gestores

    3613755?profile=RESIZE_710x

     

    3536747264?profile=RESIZE_930x

    • Obrigada pela arte, Marsoalex.

      Belíssima!

      Bjs 

       

       

       

  • Maravilhosa poesia. O coração sempre está querendo a paz...Aplausos mil

This reply was deleted.
CPP