A escritora


Escrevo sonhos de sonhadora...
Há quem diga que sou apaixonada
Há quem diga que sou escritora,
Sou uma espectadora impávida


Escrevo meus e teus sentimentos
A essência da razão, as loucuras do coração...
Viajo sem leme sem bússola criando momentos
Ponho no papel paixão e solidão.


Ora sorrindo, ora chorando...
Com a alma viajando sem fusos horários
Os olhos do papel, o papel me olhando...
A caneta soltando suspiros...


Escrevo sem ponto final...
Deixo esse para a morte...
Escrevo sem pedir aval,
Não peço que me amem só que me notem


Escrevo a vida... Descrevo o sofredor...
Exponho o ecoar do meu coração, meu eu
Provocada por diferentes frenesis de amor
Por mim; para você... Por Deus

Luly Diniz.
12/09/2021.

Enviar-me um e-mail quando as pessoas deixarem os seus comentários –

Para adicionar comentários, você deve ser membro de Casa dos Poetas e da Poesia.

Join Casa dos Poetas e da Poesia

Comentários

  • Gestores

    9580567454?profile=RESIZE_930x

    • Obrigada pelo lindo card Edith, amei!!!

      Boa noite, feliz e abençoado domingo.

      Beijos,

      Luly

  • Gestores

    9578757859?profile=RESIZE_584x

    • Obrigada, feliz que tenha apraciado Angélica.

      Beijos, feliz domingo....

      Luly

This reply was deleted.
CPP