Inspirações

ENAMORADA

Qual porta incorpora a alma

Enquanto renasce o corpo

E quando fenece o físico

E o corpo se degringola

Para onde ela vai-se embora?

 

Há quem diga que paire

Outros dizem que se esvai

Pelos rumos do nada

Em que o vazio a atrai

De onde idêntica veio

Cumprindo sua jornada

 

No entanto eu creio

Que antes dessa morada

A minha alma inquilina

Em outra plataforma de vida

Era tua enamorada

 

Desde então desmedia as ausências

Desde então persistia sensata

Desde ali entendeu de anuências

Desde lá me amou tão menina

Que hoje dorme tão pequenina

Nos meus braços de poeta

 

PSRosseto

***Do Livro EM ESTADO DE POESIA - 1ª Ed. - 2019***

Enviar-me um e-mail quando as pessoas deixarem os seus comentários –

Paulo Sérgio Rosseto

Para adicionar comentários, você deve ser membro de Casa dos Poetas e da Poesia.

Join Casa dos Poetas e da Poesia

Comentários

  • Gestores Adm

    Poeta Paulo, que dizer diante de uma poesia tão linda como está?

    A beleza dos teus versos toca a alma do leitor.

    Aplausos!

  • 3600349148?profile=RESIZE_710x

  • Bela composição.

    Aplausos!

This reply was deleted.
CPP