Inspirações

Falar de Amor

Falar de Amor

Falar de amor

 

Falar de amor

Não é nada complicado,

Agora o pior

É falar de amor

Mas de amor dedicado.

Um velhinho

Que fica todo o dia

Esquecido, sozinho,

Trocava com alegria

Tudo por um carinho.

Um doente acamado

Na solidão e hospitalizado

Até pede para morrer

Quando se vê abandonado

Por a quem deu o viver.

Dar tudo a alguém

Pode não ser amor

Mas por egoismo também

Só para não ouvir ninguém

Chamar-lhe de estupor.

A felicidade de um velhinho

Não está num simples olá,

Mas sim no gesto

De amor e carinho

Que o seu filho lhe dá.

 

Francis Raposo Ferreira

03/12/2019

Enviar-me um e-mail quando as pessoas deixarem os seus comentários –

Para adicionar comentários, você deve ser membro de Casa dos Poetas e da Poesia.

Join Casa dos Poetas e da Poesia

Comentários

  • Gestores

    Excelente poema, Francis! Meus aplausos! Eu só preciso que você coloque a imagem no devido lugar porque no lugar aonde ela está deixa a imagem imensa acarretando um peso desnecessário para o site e para sua página. É só quando você for postar o texto clicar no segundo quadrinho da caixa de diálogo onde está escrito "imagem" é eli que a imagem tem que ser postada para que fique no tamanho normal. Obrigado!

This reply was deleted.
CPP