História...

  • 6095317659?profile=RESIZE_400xHistória...

Passeando pelo bosque meu amor
Em promessa amor eterno juramos
e, que nosso viver teria aroma de flor,
Como um beijo esse juramento selamos.

A margem do lago, entre as flores
Meu corpo te entreguei com emoção
Naquele instante esvaíram as dores
Senti consagrada nossa união.

A noite apareceu, nós nem sentimos
A lua acobertou meu sonho de amar
Ali mesmo adormecemos e unimos
o desejo de jamais nos separar.

Hoje, sozinha nesta noite fria
com uma taça de vinho na mão,
recordo arrependida aquele dia;
Conhecer a história da falsa paixão.
Paixão que matou minha alegria.
Mas, juro, juro de coração
Jamais terás o meu perdão.

Márcia A Mancebo
13/06/20

Enviar-me um e-mail quando as pessoas deixarem os seus comentários –

Para adicionar comentários, você deve ser membro de Casa dos Poetas e da Poesia.

Join Casa dos Poetas e da Poesia

Comentários

  • Gestores Adm

    6148368465?profile=RESIZE_930x

  • Gestores

    Belíssimo Marcia!! Parabéns!! 

    • Obrigada querida amiga.

      Bjs

  • Gestores Adm

    OI Marcia, quantas histórias de vida real terminam desta forma? Muitas.

    Linda poesia!

    Coloque uma imagem que dar para fazer uma arte. Eu estou sem minhas imagens.

    Parabéns!

This reply was deleted.
CPP