OS SINOS

6173249853?profile=RESIZE_400xhttps://www.youtube.com/watch?v=RxBP3C6oMRU

OS SINOS

Foi-se o outono... A tarde é gris e fria...
Badala o sino da vetusta matriz ...
Estranha saudade... Uma agonia
Arpeja n!alma sem qualquer diretriz...

Procuro na mente uma sintonia
Com a verdade... Porém ela me diz
Que tristeza só tristeza irradia,
E somente com a dor ela condiz...

Mas, o badalo é só melancolia,
E a nostalgia segue comigo,
Por mais que busque afastá-la de mim...

No peito amortalho um negro jazigo
Repleto de glacial letargia
D!um inverno que parece sem fim...

 

Enviar-me um e-mail quando as pessoas deixarem os seus comentários –

Para adicionar comentários, você deve ser membro de Casa dos Poetas e da Poesia.

Join Casa dos Poetas e da Poesia

Comentários

  • Que lindo soneto, Nelson!

    Parabéns 

    Abraço

    • Obrigado , poeta pelo incentivo

      1 ab

This reply was deleted.
CPP