Pois, é.

3523995779?profile=RESIZE_710xPois, é.


Quem me vê assim sorrindo;
Não sabe o que estou sentindo.
Eu não estou fingindo
Hoje, a vida brindo.

Levanto a taça da alegria.
Jogo fora a melancolia
Minha veste é a fantasia.
Com teu beijo, ganhei o dia.

Estou pronta para enfrentar
Tudo que não posso evitar.
Com fé irei preparar
Pode vir, irei te abrigar…

Quero te dar um abraço.
Gentilmente é o que faço.
Perdoe se me embaraço
No momento, ofereço o regaço.
No meu coração há espaço.

Apenas um abraço de amigos
Um caloroso abrigo
Por tempo curto, pois, contigo
desejo ficar, nosso caso é antigo.

Pois, é, fazer o quê.
Se ainda gosto de você…
Márcia A Mancebo
02/08/19

Enviar-me um e-mail quando as pessoas deixarem os seus comentários –

Para adicionar comentários, você deve ser membro de Casa dos Poetas e da Poesia.

Join Casa dos Poetas e da Poesia

Comentários

  • Gestores Adm

    Remoer as dores só desgada o físico e abate o espírito. Viver o momento é bem melhor.

    Parabéns!

  • Safira querida, adorei a arte.  

    Muito obrigada

     

    Um beijo  

  • Oh Marcia a que lindo 

    Nem preciso dizer que teus versus me inspiraram um rabisco poético aqui kkkk

    Logo postarei 

    Beijos 

    • Obrigada querida amiga 

      Bjs

This reply was deleted.
CPP