Gestores

Ciranda para as mães

Período de 1 a 30 de maio

Regras

1.A ciranda das mães será na modalidade poesia

2. Cada poema deverá ter o máximo de 25 versos e o mínimo de 8 versos.

3. No caso de quadras e trovas permite-se o máximo de 5.

4. Todos os membros podem participar com 5 poemas de sua autoria.

5. Os poemas devem ser postados na caixa principal abaixo sem formatação, apenas texto.

6. Permite-se comentários sobre às postagens

7. Permite-se imagem ilustrando o poema.

Boas composições!

Para adicionar comentários, você deve ser membro de Casa dos Poetas e da Poesia.

Join Casa dos Poetas e da Poesia

As repostas estão encerradas para esta discussão.

Respostas

  • 2442987924?profile=RESIZE_930x

    É ISSO AÍ MÃE!

    Eduardo Samuel Ferreira

     

    Quantas coisas a senhora está

    presenciando aí no outro plano.

    Sei que vê o meu

    sorriso e também o meu pranto.

     

    Fica em paz mãe!

    Hoje quem manda na minha vida

    é Jesus Cristo de Nazaré.

    Não faço mais o que quero. Só o que Ele quer.

     

    Agora sou verdadeiramente um servo de Deus

    e estando com Ele tudo irá se ajeitar.

    O meu amor a Jesus Cristo

    melhorou o meu caminhar.

     

    Desde 2008 a senhora me faz falta,

    o câncer nos separou mas o amor que tenho

    pela senhora ninguém irá separar. Tomara

    que ao término dessa poesia eu pare de chorar.

     

    Na mesma proporção que a saudade não passa

    o meu amor pela senhora também não diminui.

    Se Deus permitir de nos encontrarmos na eternidade;

    essa tristeza se transformará em muita luz.

     

  • Mãe é todo dia

     

    Mãe não tem só um dia

    Mãe tem a vida toda

    Mãe é todo dia

    O dia todo, boda.

     

    Quem tem mãe, sabe

    Quem já teve, também

    Anjos enviados por Deus

    Porém, um dia, além.

     

    Mãe, palavra especial

    Tem som de heroína

    Perfeita, única, singular

    Tão especial, sem rima.

     

    Mãe terra, mãe sagrada,

    mãe terrena, mães espirituais

    mães de sangue, mães afins

    Todas são muito especiais.

     

    Se esses versos você ouve

    Tenha muita certeza

    Você nasceu de uma mãe

    Mesmo os gerados em proveta.

     

    Até Deus quis ter mãe

    E ser chamado de filho

    Porque não existe filho sem mãe

    e não existe mãe sem filho.

     

    Giselda Camilo

     (01/05/2019)

  • Poema de amor à mãe!

    Quando cheguei neste mundo
    foi assim meio sem jeito
    mas já no primeiro encontro
    senti o calor de seu peito.

    Um mundo que era só nosso
    a voz que eu já conhecia
    de histórias e muitos segredos
    no corpo que me aquecia.

    Que bom foi ver o seu rosto
    que antes apenas pensava
    Que bom sentir o teu cheiro
    que antes eu imaginava.

    Nas lágrimas de felicidade
    na dor que já esqueceu
    Nasceu uma outra pessoa
    Na hora em que aconteceu.

    Aquela que era mulher
    se transformou numa flor
    mudou o nosso caminho
    eternizou nosso amor.

    Criatura de força e beleza
    a mais bela e destemida
    para quem não há impossível
    guardiã que não se intimida.

    Mãe presente em meus sonhos
    companheira da minha viagem
    de dia segue meus passos
    ao luar em sonho, coragem.

    Somente um dia é pouco
    à quem mesmo longe, vigia
    sorri quando chora por dentro
    e faz do real, fantasia.

    Te dou de presente meu mundo
    Em versos, exalto paixão
    se perto, te abraço e te beijo
    distante, é só gratidão.

    Tânia Pereira2739112198?profile=RESIZE_930x

    • MARAVILHOSO, TERN, SUBLIMES VERSOS

  • 2737022182?profile=RESIZE_930x

This reply was deleted.
CPP