Gestores Adm

I Oficina de Rondel sobre mote

Rondel O Rondel é um gênero de poesia francesa. Sua forma é sempre a mesma, não varia nunca.

É formado por duas estrofes de quatro versos e uma de cinco versos, nesta mesma ordem.

Pela maneira que é estruturado, o Rondel irá sempre ter apenas duas rimas. As rimas são: ABAB/BAAB/ABABA.

Tem uma peculiaridade: os dois primeiros versos da primeira quadra vão ser os dois últimos versos da segunda quadra.

Temos que cuidar ainda, que o primeiro verso da primeira quadra será o último verso do poema (da estrofe de cinco versos).

A preferência do versos é de sete ou oito sílabas poética (não é rígido), portanto pode ser feito em verso livre, só não pode ser verso quilométrico.

Exemplo

Desilusão

  Sofri por amor, mas meu pranto secou-se, (A)

          Nas íngremes margens da desilusão! (B)

           Amargo meu peito de dor exilou-se,  (A)

         Nas grutas profundas da dor, solidão. (B)

             Tornei-me rascunho, mera ficção,   (B)

      E apenas tristezas o tempo me trouxe.  (A)

Sofri por amor, mas meu pranto secou-se, (A)

         Nas íngremes margens da desilusão!  (B)

         De todo esse amor que era tão doce, (A)

         Ficaram lembranças caídas ao chão. (B)

                  Mas a poesia não congelou-se   (A)

           E brota do fundo do meu coração.    (B)

Sofri por amor, mas meu pranto secou-se! (A)

Edith Lobato

A oficina funcionará do segeuinte modo:

Será deixado um mote de um verso para o participante se inspirar ou usar este verso como começo do seu rondel, quando postar sua composição, deve deixar outro mote em tela para o próximo partiicpante.

Regras

1. Todos os membros podem participar.

2.Permitido comentários sem imagem.

3. Permitido formatação dos poemas

Boas composições!

 

 

Para adicionar comentários, você deve ser membro de Casa dos Poetas e da Poesia.

Join Casa dos Poetas e da Poesia

Enviar-me um email quando as pessoas responderem –

Respostas

  • Mote

    Acorda coração, é primavera!

  •  

    Criamos cenários atulhados de ilusão ( Marta)

     

    Cenário da vida

    Criamos cenários atulhados de ilusão
    Isso para acreditar que estamos vivos
    Pois assim, acalentados o coração
    Tornamos – nos cada vez mais ativos.

    É muito bom ser desse sentimento ser cativo
    Assim, estaremos propensos a paixão.
    Criamos cenários atulhados de ilusão
    Isso para acreditar que estamos vivos

    Envelhecerei sentindo emoção
    Para que meu ser não me deixe inativo.
    Tenho na mente fantasia de montão
    Meus dias com devaneios, convivo.
    Criamos cenários atulhados de ilusão...

    Márcia A Mancebo

    29/09/2020

  • Pŕoximo mote: Criamos cenários atulhados de ilusão

  • MOTE: Foi muito bom saber que vocẽ viria (Norma)

     Reencontro

     

    Foi muito bom saber que você viria
    mesmo que tenha muito tempo passado
    Meu coração pulsava de tanta alegria
    Sinais expressivos de um amor eternizado

    Ontem mesmo recebi, surpresa, seu recado
    Naquela estação, me espere, era o que dizia
    Foi muito bom saber que você viria
    Mesmo que tenha muito tempo passado

    Saí exultante, naquela tarde nublada e fria
    Ansiosa, cheguei antes do horário marcado
    Te reencontrar, era o que eu mais queria
    Coração acelerado, no rosto um sorriso largo
    Foi muito bom saber que você viria

     

    Lilian Ferraz

    29/09/2020

  • Mote em tela.

    Foi muito bom saber que você viria

  • E por você eu sofria

     

    Se esperasse um pouco me verias

    Fui ao seu encontro com amor

    Mas soube que você lá não estarias

    Voltei para casa chorando minha dor

     

    Precisava tanto do seu calor

    Nossa troca de carinho de alegria

    Se esperasse um pouco me veria

    Faria meu coração o seu clamor

     

    A vida de afetividade sempre seria

    Mas um desencontro logo aconteceu

    A minha vida ficou tão sem cor e fria

    Nada do que sonhei, se sucedeu

    Se esperasse um pouco me veria

    Norma Ap Silveira de Moraes

    29/09/2020

     

  • Mote em tela

    Se esperasse um pouco mais me verias

  • Rompendo o casulo da solidão ( Lilian)

    Emoção...
     
    Roompendo o casulo da solidão
    Sigo as madrugadas sem dormir.
    Aprecio o luar na imensidão
    Uma beleza que não dá pra omitir.
     
    Calmamente esgoto meu sentir
    Sentindo forte o pulsar do coração
    Roompendo o casulo da solidão
    Sigo as madrugadas sem dormir.
     
    Pois, a noite traz à tona a paixão
    Que vem, sem ser preciso pedir.
    Não há como não sentir emoção
    E nos ver alados no porvir.
    Rompendo o casulo da solidão.
     
    Márcia A Mancebo
    25/09/20
     
     
  • Próximo mote: Rompendo o casulo da solidão

  • Mote: O perfume das flores está no ar (Márcia)

    Primavera 

    O perfume das flores está no ar
    Primavera chegou, cenário mudou
    Ainda que nuvens teimem a pairar
    O clima florido aqui se instalou

    O canto dos pássaros, cedo avisou
    Borboletas no jardim, a bailar
    O perfume das flores está no ar
    Primavera chegou, cenário mudou

    A nuance das cores desperta o olhar
    Daquele expectador que hibernou
    A visão poeta não se cansa de admirar
    A beleza que toda natureza criou
    O perfume das flores está no ar

     

    Lilian Ferraz

    25/09/2020

This reply was deleted.
CPP