Adm

I Oficina de Rondel sobre mote

Rondel O Rondel é um gênero de poesia francesa. Sua forma é sempre a mesma, não varia nunca.

É formado por duas estrofes de quatro versos e uma de cinco versos, nesta mesma ordem.

Pela maneira que é estruturado, o Rondel irá sempre ter apenas duas rimas. As rimas são: ABAB/BAAB/ABABA.

Tem uma peculiaridade: os dois primeiros versos da primeira quadra vão ser os dois últimos versos da segunda quadra.

Temos que cuidar ainda, que o primeiro verso da primeira quadra será o último verso do poema (da estrofe de cinco versos).

A preferência do versos é de sete ou oito sílabas poética (não é rígido), portanto pode ser feito em verso livre, só não pode ser verso quilométrico.

Exemplo

Desilusão

  Sofri por amor, mas meu pranto secou-se, (A)

          Nas íngremes margens da desilusão! (B)

           Amargo meu peito de dor exilou-se,  (A)

         Nas grutas profundas da dor, solidão. (B)

             Tornei-me rascunho, mera ficção,   (B)

      E apenas tristezas o tempo me trouxe.  (A)

Sofri por amor, mas meu pranto secou-se, (A)

         Nas íngremes margens da desilusão!  (B)

         De todo esse amor que era tão doce, (A)

         Ficaram lembranças caídas ao chão. (B)

                  Mas a poesia não congelou-se   (A)

           E brota do fundo do meu coração.    (B)

Sofri por amor, mas meu pranto secou-se! (A)

Edith Lobato

A oficina funcionará do segeuinte modo:

Será deixado um mote de um verso para o participante se inspirar ou usar este verso como começo do seu rondel, quando postar sua composição, deve deixar outro mote em tela para o próximo partiicpante.

Regras

1. Todos os membros podem participar.

2.Permitido comentários sem imagem.

3. Permitido formatação dos poemas

Boas composições!

 

 

Para adicionar comentários, você deve ser membro de Casa dos Poetas e da Poesia.

Join Casa dos Poetas e da Poesia

Enviar-me um email quando as pessoas responderem –

Respostas

  •  mote em tela: "É duro ver só noite enquanto é dia".

    P.S. Vivo "roubando" os versos de Edith para os motes... rs

  • mote:
    No espetáculo da tarde o sentir. (Márcia)

  • Próximo mote:
    No espetáculo da tarde o sentir

  • Passagem fria

    Deixar passar o tempo sem hora e sem dia
    como se a vida fosse feita de adornos.
    Quem a regesse fosse apenas fantasia
    e a trilha fosse reta sem contornos.

    Assim, quando nós morrermos, nós formos
    seria como flores se abrindo em alegrias.
    Deixar passar o tempo sem hora e sem dia
    como se a vida fosse feita de adornos.

    De longe viesse um som, uma melodia
    ordenando que outra, tal aquela compormos.
    Pois, chegara a hora da passagem fria
    e a despedida seria de acordo como dispormos.
    Deixar passar o tempo sem hora e sem dia.
    Márcia A Mancebo
    (23/03/19)

  • Próximo mote: Deixar passar o tempo sem hora e sem dia

  • Encanto.

    A escuridão que no céu surgiu clareou
    E, de repente, era luz pra todo lado
    No exato momento em que você chegou
    O meu mundo ficou todo iluminado.

    E quando a tua luz aquele breu rasgou
    Os ponteiros do relógio ficaram parados
    A escuridão que no céu surgiu, clareou
    E, de repente, era luz pra todo lado.

    Era tanta luz que o meu olhar se ofuscou
    Diante de um fenômeno encantado
    Que a acreditar em magia me levou
    Quando pelo encanto eu fui magnetizado.
     A escuridão que no céu surgiu e clareou...

    Marsoalex – 20/03/2019

  • Próximo mote

    A escuridão que no céu surgiu clareou.

  • Esplendor

    O tempo que o relógio não levou.
    Lavrou minha história de amor.
    Deu fim a dor e em silêncio a curou.
    A fez linda ornada com flores e olor.

    Com esmero o dia a dia encurtou.
    Das horas, estendeu com luxo o sabor;
    Dos braços que por anos abraçou
    O tempo que o relógio não levou.
    Lavrou minha história de amor.

    O dia com raio da aurora lumiou.
    E fez, do viver, um esplendor…
    Desejo dos amantes saciou
    Inflando corações de torpor.
    O tempo que o relógio não levou!
    Márcia A Mancebo
    (17/03/19)

This reply was deleted.
CPP