Inspirações

A VISITA NOTURNA

3283397032?profile=RESIZE_710x E tu chegaste... Calma, perfumada,
como se fosses de uma flor, surgida...
Solto o cabelo… Fronte coroada
de pétalas azuis… Boca ferida…

Não sei de que horizonte, de que estrada...
De que bosque, de que trilha florida,
tu vieste... Pálida... Iluminada...
Silenciosa... Sonâmbula... Perdida...

Depois partiste, com a madrugada…
Uma sombra suave, entrecortada,
levaste sobre o chão, quase luzida,

ficando em minha alcova desolada,
a fragrância ligeira, delicada,
de uma pessoa há muito já esquecida...

(Paulo Maurício G Silva)

Enviar-me um e-mail quando as pessoas deixarem os seus comentários –

Para adicionar comentários, você deve ser membro de Casa dos Poetas e da Poesia.

Join Casa dos Poetas e da Poesia

Comentários

This reply was deleted.
CPP