Inspirações

Menia bailarina

 

Baila, baila, menina.

Em teus sonhos, ser bailarina.

Um passo para a esquerda

Com cuidado, chora a perda.

 

Sobre a ponta dos pés

Um, dois, três, passos ao viés.

Corre para a direita

Como se fosse em rua estreita.

 

As mãos balançam constante

De acordo com a música alucinante.

Em gestos típicos e singelos

Geometricamente, em paralelos.

 

Em teu sonho de bailar

Viajas no tempo a dilatar.

Pensas ser gente grande e talentosa

Dançando a música amorosa.

 

Lembrarás neste momento primário

As roupas no armário.

Serás a rainha dançarina,

Serás a eterna bailarina.

 

 

José Carlos de Bom Sucesso

 

 

Enviar-me um e-mail quando as pessoas deixarem os seus comentários –

Para adicionar comentários, você deve ser membro de Casa dos Poetas e da Poesia.

Join Casa dos Poetas e da Poesia

Comentários

This reply was deleted.
CPP