Inspirações

Meus versos

Meus versos 

O que sonho
E o que sinto
É meu...

que mais seria
se explica-se
o sabor que sinto
quando te beijo?

Eu leio o universo da minha vida
E escrevo só porque me apetece
Faço-o por gosto e isso me creativa.

a minha vida é o céu a vestir-se,
porque o momento é o tempo a deslocar-se,
Docilmente...

nada me conforta
nem o conforto,
só a tua companhia
é que me faz saber o que é isso.

o chão que a tua confiança pisa
está depositada em mim...
em tudo, e no meu olhar
e na minha sina.

beijei-te lentamente no vago sentido de tudo, ao redor o mundo cala...
e estarei me a despedir de ti
se te dou beijos curtos?

Agora que escrevo
Vivo mais o momento
Escrevo porque contigo vivo mais
Mais apaixonado...

é tao facil escrever sobre amor
basta dizer o que sentimos
de verdade
mas e o que nos magoa?

por isso escrevo
é um balanço dos atmos
É o mesmo que no luar caminhar...

a noite eu não sonharia
sem a planicie dos amigos,
E no peito tenho o respeito
Pelo meu proprio sentimento.

Bruno Alves

Enviar-me um e-mail quando as pessoas deixarem os seus comentários –

Bruno Alves

Para adicionar comentários, você deve ser membro de Casa dos Poetas e da Poesia.

Join Casa dos Poetas e da Poesia

Comentários

This reply was deleted.
CPP