Inspirações

Onde estás meu amor?

Onde estás meu amor

Onde estás meu amor
Que não te vejo ?
sei, sei que tudo é saudade
é, mas amor volta porque é verdade.

Cala-me a boca com o teu beijo
e abraça o meu abraço,
colhe a minha mão e o meu coração
e, descobre a minha pureza pelo meu olhar.


Tudo para mim na vida 
é, um desejo eterno em te ver sorrir,
É um carinho sem te tocar,
um, possivel modo de presença sem sequer lá estar.

Volta e vem ser minha
para eu ser eu,
volta e vem ser a rainha
do castelo meu.

Volta ou então nao voltes mais
Fica mas não vás
Sê e crê, sempre...
O resto a mim é tanto faz.

Bruno Alves

Enviar-me um e-mail quando as pessoas deixarem os seus comentários –

Bruno Alves

Para adicionar comentários, você deve ser membro de Casa dos Poetas e da Poesia.

Join Casa dos Poetas e da Poesia

Comentários

This reply was deleted.
CPP