Gestores

Soh Zinho

*** *** *** ***
Soh Zinho
*** * ***
Conversando qual seu costume co'a Estrada
co'as Borboletas, Flores e Pássaros do caminho
o Poeta repete qual um mantra para si mesmo
culminando sempre com o: Me sinto soZinho!

O Velho Tempo que a seu tempo o acompanhava
diz ao Poeta que não é preciso ser advinho
para se ler seus pensamentos transparentes
na voz desse triste refrão: Me sinto soZinho!

As Borboletas que recém metamorfoseadas
dos seus casulos trazendo resquícios do linho
dançam nos ares onde formam a palavra
repetida ao Poeta, o seu: Me sinto soZinho!

Os Colibris que beijavam as doces Flores
com o nectar delas descrevem em pergaminho
os sentimentos do Poeta que são um somente
co'o significado em bis do: Me sinto soZinho!

Nisto as Flores com os seus cânticos floridos
irradiam notas com suas vibrações de carinho
onde o refrão ora mudado assim é cantado:
-Um novo Amor não te deixará mais soZinho!!!
*** * ***
131017 - 1506PMBR - gaDs
*** *** *** ***

Lee Marvin in: Wandering Star - NTymtAbaG08

z


k

Enviar-me um e-mail quando as pessoas deixarem os seus comentários –
Gestores

"Vamos disseminar as Sementinhas de Amor pelas Estradas de nossas vidas!"

Para adicionar comentários, você deve ser membro de Casa dos Poetas e da Poesia.

Join Casa dos Poetas e da Poesia

Comentários

  • Sabe quando a gente não lê o poema, porque é o poema que está lendo a gente, como dizia o Quintana? (Pois, Zé...)

    Sabe quando o moço se debruça sobre a fonte e pergunta quem é aquela pessoa? (Ele ainda não sabe que a resposta é uma figura em Eco que ele mesmo não ouve.)

    Sabe quando o Gato responde à Alice que qualquer caminho serve quando não se sabe para onde ir? (Embora um mapa indecifrável já traga rotas bem marcadas...)

    Sabe quando as palavras nos olham com aquele ar de "Eu não te disse?" (E intimamente nos submetemos à verdade delas.)

    Sabe que seu poema, Zeka, é biografia de quem percebeu que a realidade não basta - é preciso recriá-la? E a criatura de letras redime o criador de toda solidão do mundo.

    Sabe! Lemos e entendemos que você sabe!

  • Gestores

    Bonito poema Zeca. Parabéns.

  • "O que há depois de cada curva das Estradas das Vidas???"

    Mais e mais curvas....

    Parabéns!

    Beijos

    3686009?profile=original

  • Gestores
    Mais um encantador poema Zeca querido! So estamos sozinhos quando não temos paz no coração... só na paz conseguimos perceber que o amor ja nos preenche. Parabens!!
    • Gestores

      Uau... Angel...

      Teus comentários - mais que soar como - são sem dúvida Poesia que aflora de teu âmago!

      Logo a revisito... Antecipo os APLAUSOS me juntando aos demais que aplaudem tuas inspirações e mais ainda o SER Poeta que és!

      Beijossssssss na alegre e Amada Filharada! gaDs

  • Muito bom!Linda poesia,parabéns!

    • Gestores

      Booommmm Diaaa Jovem Poeta Thales Cakan...

      Renovamos (e renovo) os Votos de Boas Vindas à esta Nossa CPP - Casa dos Poetas e da Poesia!

      Já nos conhecíamos de outros Sites (se bem me lembro). É um prazer e alegria tua presença nesta CPP

      Para quaisquer duvidas - disponha sempre dos Gestores da Casa e dos Poetas - Amigos! - gaDs

  • Gestores

    3685936?profile=RESIZE_180x180

    3685955?profile=RESIZE_180x180

    3685986?profile=RESIZE_180x180

This reply was deleted.
CPP