É TUDO SOBRE VOCÊ

Quando vier a primavera desvinculando o inverno

Toda a neve do mundo se tornarão cores

A aurora de cada dia terá diferentes brilhos

Um por um entardecer escorrerá mais puro

Todos os caminhos serão mais curvos

Porque nas sinuosidades das voltas

Colheremos livres flores no entorno dos retornos

 

Engana-se que o amor faz vínculo com a estrada reta

Paixão alguma enceta a lógica do concreto

Coração nenhum é discreto quando apaixona

Nem compassado bate quando de saudade enche

Amar alguém é entender de si próprio e dar-se

Afoito intenso propenso impetuoso e poeta

Arremetendo ao futuro a estação presente

 

É tudo sobre você o que escrevo e sinto

Cada verso e poema desse livro aberto

Desnecessário explicar minha alma feminina

Bem sabes que são todos teus meus versos

 

PSRosseto

Enviar-me um e-mail quando as pessoas deixarem os seus comentários –

Paulo Sérgio Rosseto

Para adicionar comentários, você deve ser membro de Casa dos Poetas e da Poesia.

Join Casa dos Poetas e da Poesia

Comentários

  • Gestores Adm

    Que lindeza teu poema, Paulo.

    Há uma certa irracionalidade em quem fica apaixonado.

    Aplausos pela escrita tão linda.

  • Gestores

    19207568?profile=RESIZE_710x

  • MA RA VI LHO SOOOOO

    Realmente poeta nenhum coração e discreto quando se apaixona /nem compassado bate quando se apaixona. Meu Deus que coisa mais linda teus versos .

    Lendo e relendo aqui 

    Meus aplausos 

    Paz e luz 

This reply was deleted.
CPP