Inspirações

É meio culpa da lua...

 

 

É meio culpa da lua...

 

Só porque é meio de noite,

solidão e nada

viram desejos...

 

Meio quentes, meio frios

por caminhos que alcançam, se muito,

meras  meias fantasias

desfilando sozinhas meio sem intenções.

 

É meio culpa da lua...

 

Acompanhante de desnorteante carinho,

meios mares de loucura  atiçando,

faz sonhar coisas meio bonitas.

 

É o envolvente...

 

Meio que soltando

a voz da poderosa emoção

faz tudo saltar...

e, alma meio que,

garrida, em trapos,

com o roteiro jogado  fora

cantue  dores inteiras...

 

Marisa Costa

 

 

 

Enviar-me um e-mail quando as pessoas deixarem os seus comentários –

Para adicionar comentários, você deve ser membro de Casa dos Poetas e da Poesia.

Join Casa dos Poetas e da Poesia

Comentários

  • Encantador, Marisa! Adoreiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiii

  • Adm

    Cheios d ebeleza teus versos.

    Que bom ver-te aqui.

    Lindo poetar.

    Parabéns!

  • Parabenizo-a pelo talento e, pelas belíssimas obras com gostinho de quero-mais!

  • Uma linda alma que grita o amor em desejos, delicia de poema

  • E eu aqui meio que assim encantada com seu poema.

    Beijos!

    Nina

This reply was deleted.
CPP