Inspirações

Gestores

Quem bem lê, bem escreve!

3557812232?profile=RESIZE_710x

Quem bem lê, bem escreve!

Passeando por uma avenida a procura de um bom restaurante deparei-me com a seguinte situação: no primeiro restaurante podia-se ler “Restaurante – Cumida caseira com galinha caipira”; passei direto.

Porém as coisas não melhoraram; mais adiante mais um anúncio: “Ceja bem vindo e esprimente a linguiça.” Bom! Pensei com meus botões: “Vejamos mais adiante!”

Não mudou muita coisa e comecei a sentir náuseas por causa dos erros ortográficos: “Servimos suco natural do pó do guaraná a flôr de zíaco do amazonas!!!” Bem criativo, sem dúvida!!!! Mas perdi o apetite ao ler mais um cartaz: “Comeu, morreu! Bar Lanchonete e Budega.” Que raios seria isso??? Fui perguntar e a “Budega” era uma adega de aparência duvidosa. Resolvi ir embora e cear em casa, na segurança de meu lar.

Mas nosso cérebro é danado! Não para nunca e assim foi pelo caminho: “ Todos os produtos desta mesa contém glúteos em sua composição!” e “Não vendemos cerveja fiado, por gentileza não exista!"

E aí foi um festival de placas onde fiquei com a impressão de que todas se reuniram num mesmo trajeto para uma pegadinha. Havia para todos os gostos e necessidades: “Carta omante e consultas espirituais”, “Aluga-se kitimeti”, Café Casa de Shol”, “Lava: jato fonçionano!” “Coma à vontade: Homens 9,00, Mulheres: 8,00.”, “Pudim de leite condenado!”; e assim foi uma overdose de desconstrução que culminou na morte da Língua Portuguesa.

E quando pensei que tinha acabado, eis que leio, bem na esquina de minha casa, o golpe de misericórdia: “Pra uma noite tranquila, coxão Max! Seus sonhus nunca seram os mesmos!” Nunca mesmo, vou ter pesadelos o resto da vida!

No aconchego de meu lar depois de uma farta ceia, preparada com todo carinho, decidi distrair-me na net. Leso engano. Antes tivesse ido dormir.

Diante da tela do computador fico abismada com a quantidade de erros cometidos e “assassinatos” à Língua Portuguesa. Será que vivemos tanto no automático que  permitimo-nos aceitar a maneira chula com que é escrita nossa Língua? Por que não a defendemos já que é tão bela? Por pura acomodação, penso eu.

Sim! É mais fácil fazer vistas grossas do que fazer campanhas e projetos de incentivos à leitura. Sim! Pois a medida em que adquirimos conhecimentos, tornamo-nos escritores e pessoas melhores.

Ao ler publicações idôneas, aumentamos nosso hall de palavras, enriquecemos nosso vocabulário, fazemo-nos entender.

Quando lemos bons autores absorvemos as regras quase que instantaneamente, educamos nossa mente à forma correta da escrita e conseguimos perceber erros. Ao fazer-nos entender, aumentamos nosso leque de oportunidades e as melhorias acontecem também em outras áreas de nossa vida. Crescemos e contribuímos para que a ignorância seja ao menos um pouco, erradicada.

Infelizmente ainda no Brasil o hábito da boa leitura não é incentivado como deveria e, quem fala e escreve correto é motivo de piadinhas. Tudo isso é o reflexo de governos omissos que sucateiam a educação em prol de interesses próprios.

É mais fácil governar um povo inculto.

Afinal, quem bem lê, bem escreve, bem conhece seus deveres, bem luta por seus direitos.

 

Maria Angélica de Oliveira 24/08/2018

Concurso Literário Biblioteca Ataliba Lago.

Enviar-me um e-mail quando as pessoas deixarem os seus comentários –
Gestores

Angélica

Para adicionar comentários, você deve ser membro de Casa dos Poetas e da Poesia.

Join Casa dos Poetas e da Poesia

Comentários

  • Eu que amo crônicas e, gostaria de aprender mais e mais, será que consigo desenvolver essa arte? Estou com o queixo caido ao chão e de joelhos - Sensacional, fantástico e maravilhoso. Me ensina aprender essa arte Angélica?

    Parabéns!

    João Carreira

  • Sensacional ameiiíii parabéns 

  • Ohhh maravilhoso 

    Abraços 

  • Belíssima crônica parabéns poetisa fantástico 

    • Gestores

      Obrigada Meire querida por tua visita.

  • Gestores

    3558108754?profile=RESIZE_710x

  • Gestores

    O que dizer diante desta tua Crônica que mais do que "crônica" é aguda?

    Logo logo, não será de se admirar ouvirmos nos rotularem de "Ex Critores"!

    Amei... Amei... Amei tua sucinta, perspicaz e reflexiva Crônica...

    Ou melhor: Amei... Amei... Amei... - Amo-Te!!!

    gaDs

    3558047081?profile=RESIZE_710x

    • Gestores

      Obrigada Zeka querido pelo carinho! TA!

  • Temos que estar sempre dispostos a continuar aprendendo.Boa reflexão.Que todos me perdoem pelos erros que cometi e cometo ao ousar escrever português.Afinal,é dificil passar sem alguns erros.Vida que segue de olho na aprendizagem.Parabéns!

This reply was deleted.
CPP