crônicas (143)

Crônicas — O Novo Poetinha E Os Conectivos

O Novo Poetinha E Os Conectivos — 1a Parte

Eu tenho a cognição de que a volúpia poética está simplesmente entrando em minhas entranhas.

 E como gostaria de fazer um estudo, 

sobretudo, 

sobre conectivos, fiz um delicioso e carnívoro convite para um churr

Saiba mais…

Crônicas — O Prazer De Comentar/1

Pedrão poeta.

Muito bom dia ensolarado.

Sempre poetanto

pérolas em formato de poema

recheado de rosas vermelhas desabrochando,

portanto,

um encanto literário de rosas sem

espinhos.

Parabéns romântico poeta.

Por favor continues a poetar a vida.

Um forte abraço.

Saiba mais…

Crônicas — Resiliência — 1a Parte

Resiliência  — 1a Parte 

Certa tarde peguei meu carro e quando vi estava em um dos Shoppings de Campinas. 

Na sua entrada tem uma gigantesca e lindíssima andorinha. 

Automaticamente, eu já estava dentro da minha predileta cafeteria. 

Sentei-me num canto

Saiba mais…

Crônicas — O Colecionador De Sonhos

O Colecionador De Sonhos

Acovardado. 

Aquele que nunca foi que atire a primeira pedra. 

Esse adjetivo tem um monte (até parece que nasceu nos tempos que não tinha televisão), de parentes:

Acobardado, amedrontado, apavorado, tímido, acanhado, atemorizado,

Saiba mais…

Crônicas — O Bom Narciso

O Bom Narciso 

Quanto a mim aprendi mais essa: 

Eu tenho a percepção de que há dentro de mim a melhor parte de ser um 

— Narciso —, 

mas antes que eu continue, 

se caso você não sabe, este substantivo é um personagem da mitologia grega, visto que, 

ele foi

Saiba mais…

Crônicas — Reminiscência De Uma Vida

Reminiscência De Uma Vida

Ultimamente, eu tenho tido mais contato com Ricardão. 

E, ele tem me chocado bastante, assunta só: —

— Professor, humildemente, eu lhe peço um fiapo do seu precioso tempo, haja visto que, estou tentando lembrar algumas passagen

Saiba mais…

Crônica — Um Aniversário Especial

Um Aniversário Especial

Indubitavelmente, 

hoje, neste exato momento eu me sinto impotente. 

Por que? 

Porque infelizmente, eu queria estar ai, 

presente fisicamente, para dar-te um forte, fraterno e carinhoso, sim, um fraterno abraço. 

Minha amada sobrinh

Saiba mais…
Visualizações: 19
Comentários: 7

Crônicas — Eufemismo

Eufemismo

Eu confesso, porém, 

mais uma vez que sou um brasileiro obsessivo e repito: — 

Sou obsessivo por tudo que eu faço, 

 sou tão obsessivo que contabilizei trinta e oito anos sem parar e veja, 

eu não amava a contabilidade. 

Meu filho me chamava de c

Saiba mais…

Crônicas — Inexorável

Inexorável

Acima de tudo e antes de mais nada, 

simplesmente, 

eu tenho certeza que você vai concordar comigo que, um poeta não é

“inexorável”,

pode até ser que alguns discordem, porém, serão poucos. 

O pai dos “burros”, o Dicio, ou até mesmo o Google di

Saiba mais…

Crônicas — Dê Vida À Sua Escrita

Dê Vida À Sua Escrita

Você que me lê, 

principalmente,  as senhoras e senhoritas, 

me desculpem a expressão que vou usar:  Lamentavelmente, 

um texto, uma poesia, um poema, uma crônica, até mesmo um pensamento criado nas “coxas”, 

por mais lindas que essa

Saiba mais…

Crônicas — Caceteando-me

Caceteando-me

Meu genro acha graça sempre que digo que me amo. 

Aí, me caceteia, 

haja visto que, simplesmente,

eu verdadeiramente me amo seguindo a palavra do Senhor Jesus que disse em Mateus 5:44:

Amar os inimigos:

“Mas eu lhes digo: amem seus inimigos

Saiba mais…

Crônicas — Uma Joaninha

12427818089?profile=RESIZE_584xUma Joaninha

As espécies desta família, geralmente, 

tem o corpo semiesférico com élitros avermelhados sarapintados de manchas pretas.

Joaninhas são animais classificados como invertebrados e que pertencem ao filo dos artrópodes.

 Classe dos insetos.

Saiba mais…

Crônicas — O Novo Poetinha E As Aspas

O Novo Poetinha E As Aspas

A capilaridade poética de Juão Karapuça é simplesmente indiscutível, entretanto, sábado passado, meu celular tocou às 6h30.

Eu não atendi, isto porque, eu estava orando e orando fiquei.

Tomei meu café e calmamente peguei meu c

Saiba mais…

Andradina Em Contraste Com Campinas

Minha cognição não permite tamanha injustiça, haja visto que, uma coisa é uma coisa, outra coisa é outra coisa. 

O meu cognitivo está tentando analisar, se existe possibilidade de comparação. 

Não. Não há.

Simplesmente

Saiba mais…
CPP