Todos os posts (14810)

Classificar por

POEMA-TROVAS

AMOR

Oh! Amor, que não achegas!
Tempos frios e sombrios,
noites que não aconchegas
sem ter paixão e calafrios.

Categoria: Lírica
Pseudônimo: Esther Mysther

Saiba mais…
Visualizações: 15
Comentários: 8

Não Tenho Medo

Não tenho medo da morte
Do temporal de vento norte
O meu medo é da inutilidade
Quando o tempo chegar...
Da dificuldade de andar
Precisar da solidariedade.

Tenho medo do desamor
Da violência seja como for
Física, mental e psicológica.
A falta de sensib

Saiba mais…
Visualizações: 20
Comentários: 12

Sentimentos intermitentes

É uma festa dos 15 anos!

Vestido, cabelo, maquiagem , presente...

E conflito interno:

Queda, sofrimento, sonhos, pausados 

Um turbilhão de emoções inversas

Num mesmo coração aflito de emoção

Uma guerra interna  indescritível

Alegria e tristeza, lado a lado 

Saiba mais…
Visualizações: 31
Comentários: 5

Tempestade

 

Tempestade 

 

 

Que a tempestade tenha fugido

Para bem longe

 

E que na tua quietude

Haja a amplitude

De muita saúde

 

Que eventuais fatos

Filme de terror

Tenham sido

Taquicardia de pavor

Passageiros do ar

Corriqueiros do mar

 

Que os chás 

Dos marajás

Abençoados

Pulve

Saiba mais…

Recomeço

Recomeço

Quando sinto que tudo perde o sentido,
lembro que viver é um desafio, infindo.
Então esquecendo tudo o que vivido
não está conforme o que acho merecido
sigo o caminho sem sentir — me ofendido.

Procuro beleza no que está florido,
nas faces que me

Saiba mais…

Caetano Veloso (80 anos)

Caetano Veloso

 

Como tenho quase tudo guardado de Caetano Veloso não encontro palavras para uma humilde homenagem aos 80 anos deste artista da música brasileira. 

 

Eu vivo Caetano em todos os momentos em todos os cantos de minha vida.

 

,"Caetano é um má

Saiba mais…

A luz vive em ti

10756129462?profile=RESIZE_400x

 A LUZ VIVE EM TI

A escuridão vem te forçar
a perceber o que há no avesso,
voltar para si e enxergar
sua luz do lado de dentro.

A noite não dura para sempre,
O dia virá, não é o fim.
Não abafe o que sentes
Perceba a luz que há em ti.

Às vezes o caminho é árdu

Saiba mais…
Visualizações: 25
Comentários: 6

Tempestade

 

Tempestade 

 

 

Que a tempestade tenha fugido

Para bem longe

 

E que na tua quietude

Haja a amplitude

De muita saúde

 

Que eventuais fatos

Filme de terror

Tenham sido

Taquicardia de pavor

Passageiros do ar

Corriqueiros do mar

 

Que os chás 

Dos marajás

Abençoados

Pulve

Saiba mais…
Visualizações: 0
Comentários: 0

CHORO...

  1.  

As vezes choro de falsa felicidade,
Outras de dor... outras pelas decepções
Choro por ter sido alvo de maldades,
Por todas as minhas perdidas ilusões...

O choro alivia, o choro dói, faz pegar no sono...
Chorei por ter perdido um anjo amigo
Pelo amor

Saiba mais…
Visualizações: 26
Comentários: 10

Cabeçalho

Cabeçalho

 

 

Manhã sonolenta e úmida de orvalho

Ouve-se um canto agudo

Um pássaro solitário no galho

Ritos matinais no cerrado

 

Sigo satisfeita para o trabalho

Comprometida eu com o todo

Na dedicação, me valho

Entre obstáculos, avanço!

 

Componho a poesia em re

Saiba mais…
Visualizações: 12
Comentários: 8

Luar vaidoso

Luar vaidoso

 

É o arrebol. Esvai-se a tarde...

Se achega o fim do dia;

O sol alaranjado esmaece!

Mas é preciso que se vá,

Que se finde, que escureça,

Para surgir, vaidoso, brilhante,

Nas montanhas ou no mar,

Lá no longínquo horizonte,

O lindo e misterioso lua

Saiba mais…
Visualizações: 14
Comentários: 6

Sátrapa

Sátrapa

 por J. A. Medeiros da Luz

 

Sou zênite e nadir, a envergar

Meus punhos rendados, meu chapéu tricórnio

E bengala encastoada em ouro de Ofir;

E, contrapondo-se ao dourar

Das fivelas fagulhentas dos sapatos,

A corrente do relógio reluzindo,

Catenária tr

Saiba mais…
Visualizações: 37
Comentários: 13

Lágrimas

Por vezes o rio está cheio
Então transborda, sai do leito.
As lágrimas saem do controle
Escorre dos olhos e dói no peito.

A saudade que o peito invade
Há um transbordar das emoções
Eu quero segurar as lágrimas
Elas teimam em derramar-se.

Parece que o c

Saiba mais…
Visualizações: 20
Comentários: 8

Mensagem

Mensagem

Entre os girassóis, margaridas nasceram.
Os pássaros trouxeram as sementes:
Ali, bem juntinhas, elas floresceram
enfeitam minha vida, qual presente!

A mim, neste instante da trilha seguida
as flores trazem um acalanto à alma.
Pois, a cada dia u

Saiba mais…
CPP