Minhas Atividade

Miguel Carqueija posted a blog post
                     AQUELES  QUE  A  ECOLOGIA  ESQUECEU                                           (poema-manifesto)                                                             Miguel  Carqueija                                      É a Vós que nos d…
Quarta-feira
Miguel Carqueija commented on Livita Silva's blog post Saudades...tantas saudades!
"A imagem está ótima, existe um filme chamado "Os guarda-chuvas do amor", nunca assisti mas lembrei dele. Assim é o amor, atravessa obstáculos e óbices. Beijos."
Quarta-feira
Miguel Carqueija commented on Marta Biscoli's blog post Se me afastei...
"Poema muito bonito e castiço descrevendo um amor impossível ou que não pode dar certo. A imagem ficou perfeita, em plena sintonia com o tema. Beijos."
Quarta-feira
Miguel Carqueija posted a blog post
FADISTAMiguel Carqueija Cantar é coisa que afastado coração todo o mal!Recostada na pilastraeu canto o meu Portugal! E canto para o meu rio,este Tejo deslumbrante,meu cantar tem muito brio,sou fadista a cada instante! Amália tu és minha musae como é…
Jul 13
Miguel Carqueija e Luiza Menin Manfredi agora são amigos
Jul 13
Miguel Carqueija commented on Regiane Lima Valadares's blog post NA BRISA
"Além de muito bonito e romântico, querida amiga e filha, seu texto ficou bem original formando uma figura de taça... e a imagem é bem apropriada. Beijos em seu lindo coração."
Mai 16
Miguel Carqueija commented on Marcia Portella's blog post Aroma
"Nunca vi uma descrição tão poeticamente bela do silêncio. Parabéns e um beijo no coração."
Mai 12
Miguel Carqueija posted a blog post
BEN-HURMiguel Carqueija A primeira vez em que assisti “Ben-Hur” foi no cinema, em companhia de minha mãe. Eu era criança, o épico estava chegando ao Brasil e causando grande sensação. Era um daqueles filmes de longuíssima duração, com intervalo na p…
Mai 11
Miguel Carqueija posted a blog post
A SINGELA MENSAGEM DE “O GAROTO” Miguel Carqueija Resenha do filme “O garoto” (The kid) — First National, Estados Unidos, 1921. Produção, direção, roteiro e montagem: Charles Chaplin. Fotografia: Roland Totheroh. Direção de arte: Charles D. Hall. Mú…
Abr 13
Miguel Carqueija posted a blog post
BALADA DO ENDIVIDADOMiguel Carqueija  Tanta dívida que eu tenho,que não tem um vagabundo:e eu vivo nesse perrenho,devendo a Deus e ao mundo! Muito empréstimo eu fizpra pagar quem vinha atrás;fui vivendo por um triz,me endividando inda mais! Por que…
Abr 5
Miguel Carqueija commented on Sirlanio jorge Dias gomes's blog post INQUIETAÇÃO
"A analogia com as flores é perfeita! Cor ou etnia, a raça humana é uma só: "Homo sapiens". Quem o diz é a Ciência. O racismo é uma das coisas mais irracionais que existem. E uma chaga da humanidade. Abraços."
Abr 5
Miguel Carqueija posted a blog post
A mulher que derrotou o machismo"A flor que desabrocha na adversidade é a mais bela flor que existe."(adágio chinês)Resenha de "Mulan" - produção dos Estúdios Disney (Walt Disney Pictures), EUA, 1998. Produção de Pam Coats. Direção de Tony Bancroft…
Abr 3
Miguel Carqueija e Meire agora são amigos
Abr 3
Miguel Carqueija commented on Meire's blog post Gosto
"É claro, amando-se gosta-se da pessoa amada por inteiro. Linda imagem e texto, querida amiga; beijos no coração."
Mar 20
Miguel Carqueija posted a blog post
NAVAJOMiguel Carqueija  Este traje nós amamos,o poncho que nos recobre,e pelo mundo eu viajo,eu e as manas mostramoso que temos de mais nobre,a nossa herança navajo!  (Rio de Janeiro, 16 de março de 2018)  imagem pinterest    
Mar 16
Miguel Carqueija agora é amigo de Livita Silva, Norma Aparecida e Nina Costa
Gestores
Mar 16
Mais…

Meu Blog

KAGOME

KAGOME

Miguel Carqueija

 

Ele é muito poderoso

e arrogante, ele se acha;

mas pra mim ele é charmoso,

o meu querido Inuyasha!

 

Gostei dele quando o vi

numa árvore cravado;

eu o…

Saiba mais…

A presença GRD

                                            A  PRESENÇA   GRD

 

 

                                               Miguel  Carqueija

 

 

     Quando eu tinha 17 anos comecei realmente a me interessar…

Saiba mais…

ADOLESCÊNCIA

ADOLESCÊNCIA

Miguel Carqueija

 

Estamos sempre aprontando

brincadeira e diversão,

porém jamais olvidando

ter amor no coração!

 

É sempre um tempo de festa

sem descuidar o…

Saiba mais…

Comentarios

Para adicionar comentários, você deve ser membro de Casa dos Poetas e da Poesia.

Join Casa dos Poetas e da Poesia

Comentários

This reply was deleted.

Sobre Mim

Aniversário:

Agosto 14


1) Qual o teu nome completo?

Miguel Francisco da Cruz Carqueija


3) Data de nascimento (não é necessário o ano)

14 de agosto de 1948


4) Local de residência (apenas Cidade, Estado e País)

Rio de Janeiro-RJ Brasil


5) Mini Currículo (trabalho, experiências, gostos e ou preferências, família, produção poético-literária...).

Sou escritor compulsivo e trabalho com diversos gêneros, principalmente contos e novelas de ficção científica, fantasia, terror e mistério, além de produzir poemas, resenhas de filmes e livros, e artigos diversos. Tenho muitos livros publicados em papel ("Farei meu destino", "O fantasma do apito", "A rainha secreta") e na internet ("A face oculta da Galáxia", "Poderosa" e outros).


6) Quem o/a indicou para a Casa dos Poetas e da Poesia (ou como ficou sabendo desta)?Cite o nome da pessoa que a/o indicou ou convidou.

Dolores Fender


8) Concorda que as poesias eróticas (caso as poste), devem ser postadas no Grupo de Literatura erótica?

sim


9) Concorda em interagir conforme possa, com os demais membros participando e interagindo das atividades da Casa?

sim


10) Concorda em NÃO POSTAR mais que 3 (três) Mensagens por dia no Blog Geral?

sim


11) Deixe o Link do Facebook, Recanto das Letras ou outro site onde possamos saber mais de você.

http://não há


12) Publique neste espaço, uma Poesia ou texto de tua autoria. (não precisa ser extensa/o)

A VINGANÇA Miguel Carqueija — Ei, que é isso? Como é que você entrou aqui? — Por teleportação, terrestre idiota. Não é o que sempre acontece nos seus romances? — Sim, mas... — Eu sou um marciano. Há mais de cem anos, desde Wells, que vocês, seus escritores de ficção científica de meia-tijela, nos apresentam como monstros horrorosos, perversos e sádicos. Há gerações que vocês nos caluniam e influenciam seu povo com as mais torpes peçonhas e mentiras contra nós. Agora cansamos e viemos nos vingar. — Mas espere aí... não é justo... afinal eu só tenho duas mãos e você tem dez... não, espere! Socorro... argh... TINKERBELL Miguel Carqueija Eu me chamava Sininho no dia em que o conheci; dei-lhe todo o meu carinho mas no fim eu o perdi. Eu e Peter assim fomos um amor bem diferente: afinal o que nós somos? Eu fadinha e ele gente. Mas como amar um humano pequenina como eu sou? Foi este o amor insano que bateu asas, voou. Eu só podia beijá-lo! Casar com ele impossível. Eu queria tanto amá-lo, viver assim era horrível. Mas Peter nem percebia o amor em meu coração; insone à noite e de dia, acalentando a paixão. Por toda a parte o segui, até que um dia cansei; e certa tarde eu fugi, às fadas eu retornei. No reino das fadas vivo curtindo um cruel destino: com meu coração cativo, soando triste o meu sino. A dor da gente é só nossa, que aos outros não se revela; Tinkerbell vive na fossa, Levando a dor que é só dela.


Minhas fotos

Autor em tela

CPP