conto (20)

Aventuras Com Azeitona 3a E Última Parte

Incontestavelmente, eu gostava muito do meu primeiro carro “Azeitona” e possivelmente, jamais esquecerei as aventuras vividas com ele. Entretanto, a estabilidade melhorava a cada dia. Sim. A cada dia que passav

Saiba mais…

Três amigas no chá das cinco

 1- Obrigado pelo fogo.

O pequeno apartamento no subúrbio londrino cheirava a mofo, Clotilde o tinha comprado em meados dos anos sesenta e agora viúva á mais de vinte anos já não tinha o mesmo cuidado de outrora.

Aos oitenta e três anos não se pode esp

Saiba mais…
Visualizações: 24
Comentários: 3

Simbólico (CONTO)

 

 ...O desespero era grande. Saiu correndo na rua; descendo sem notar veículos na faixa, corria com olhos cheios de água. Desviando de uns carros que vinham e, com a cena da mulher correndo a pé pela estrada, se assutavam. Ela corria, estava magoada,

Saiba mais…
Visualizações: 19
Comentários: 8

A guilhotina

A revolução francesa teve um período de terror, ou também chamado terror jacobino que durou de 1793 a 1794, os jacobinos eram a ala mais radical dos revolucionários.

Calcula-se que somente nesse curto período morreram mais de 15.000 pessoas decapitada

Saiba mais…
Visualizações: 14
Comentários: 2

Mina de sal

 O vento trazia areia e sal, o sol aquecia e queimava a pele daqueles homens que durante horas combatiam com destreza a pobreza humana.

Esse tempo hostil quasse terminava com os sorrisos, e trazia o silêncio áspero que era como um código de salitre e

Saiba mais…
Visualizações: 18
Comentários: 5

A CASA

A CASA

 

Vi a casa. Ela era uma construção estranha num lugar arborizado e com pouca vizinhança. Ao entrar na casa me deparei com a anfitriã,uma mulher baixa, sorridente e simpática, esta me conduziu, amavelmente, pelos cômodos da moradia.

A casa era gr

Saiba mais…

O rei Sol

 Um dia o Rei Sol estava triste e solitário, então decidiu entrar na sala ou galeria dos espelhos, 

 

O salão era de uma opulência quasse constrangedora, sua imagem refletia-se por todos os lados, inclusive sua tristeza, 

 

Sabia ele que o palácio de Ver

Saiba mais…
Visualizações: 112
Comentários: 1

O IDOSO

10878231052?profile=RESIZE_400xCrédito da imagem: Freepik

 

  

Idade avança e quando ela chega traz alguns desconfortos, males e temores. Nem todos seguem o mesmo rito de uma velhice abençoada e com vitalidade, alguns ficam rancorosos, saudosos e queixosos, lamentavelmente,mas aqui v

Saiba mais…

O flautista

Ele era um homem alegre , bom e festeiro. Vivia pelas ruas da cidadela a cantar suas canções e tinha como paixão sua flauta. Tocava e encantava os moradores, trazendo sempre bons momentos nas notas doces de sua canção. Era simpático, inspirado e soli

Saiba mais…
Visualizações: 396
Comentários: 8

Adamastor, o dia e o café

 

Adamastor, o dia e o café

 

Adamastor acordou cedo. Sempre acordava. Eram cinco horas da manhã, e o galo cantava em algum lugar naquele vilarejo escondido no tempo. Ele se levantou da cama, calçou suas chinelas já bem surradas, e se espreguiçando foi

Saiba mais…
Visualizações: 19
Comentários: 3

Deserto em minh'alma (texto longo)

 

Deserto em minh'alma


As nuvens cinzentas denunciam a tempestade que está prestes a desabar. São como meus sentimentos que estão turbados, acinzentados. Talvez ela traga um pouco de alívio ao calor infernal do fim do verão e lave essas manchas de

Saiba mais…

No Caminhão Baú

 

 

Resultado de imagem para caminhão bau pequeno

No Caminhão Baú

Lá vai pela estrada de terra sem fim, pairando no ar a poeira seca e toxicante; sufocante, e, por trechos enlameados; carreados, e escorregadios; arredios, ora retas de não se ver o fim, ora por curvas tortas; mortas, e, muitas, sem

Saiba mais…

Maria José

9994106486?profile=RESIZE_710x

Maria José

 

Maria José, magérrima, enrugada, mancando, tem uma prótese de metal no fêmur, se aquieta em casa pela porta dos fundos desconstruída de papelão, compensado e trincos. A moradia não tem porta da frente, pertence a um conglomerado de cômo

Saiba mais…
Visualizações: 16
Comentários: 4

De volta a Cidadezinha (Conto)

De volta a Cidadezinha

Cidadezinha minha avisa ao povo que chegamos a cavalo, jegue, jumento, mulher e poucos filhos. Levamos e trouxemos de volta o cigarrinho de palha e cachacinha da pura, nas malas o chapéu de couro cangaceiro e baioneta, lembrança

Saiba mais…
Visualizações: 30
Comentários: 2

A Tensa Espera (Conto)

A Tensa Espera (Conto)

 

Marina é natural de Caravelas, cidadezinha com cerca de 35000 habitantes no interior de Minas Gerais. A cidade sobrevive da pequena Agropecuária em poucas fazendas e principalmente da agricultura familiar. Mora em um pequeno sí

Saiba mais…
Visualizações: 21
Comentários: 2

Mudança de estação

Ela não era outono, era mais uma primavera, aguardando lépida e faceira pelo bem vindo e caloroso verão.

Ele era inverno, não sabia vivenciar outra estação, era frio e soturno, sempre a se irritar com o clima festivo e qualquer animação. Houve então,

Saiba mais…
CPP