Meu Blog

Comentarios

Para adicionar comentários, você deve ser membro de Casa dos Poetas e da Poesia.

Join Casa dos Poetas e da Poesia

Comentários

This reply was deleted.

Sobre Mim

Aniversário:

Junho 9


1) Qual o teu nome completo?

Ricardo Nunes de Sales


3) Data de nascimento (não é necessário o ano)

09/06/1956


4) Local de residência (apenas Cidade, Estado e País)

Manaus-Amazonas-Brasil


5) Mini Currículo (trabalho, experiências, gostos e ou preferências, família, produção poético-literária...).

Sou avesso a multidão. Venho de uma família de militares,nascido em Tabatinga-Amazonas, fronteira com Peru e Colômbia. Os meus textos são de uma linguagem simples, fácil de entender, falam do amor, da mulher e do cotidiano da vida.


6) Quem o/a indicou para a Casa dos Poetas e da Poesia (ou como ficou sabendo desta)?Cite o nome da pessoa que a/o indicou ou convidou.

Sra. Edith me passou um email me convidando a publicar os textos no site.


8) Está ciente que as poesias eróticas (caso as tenha), devem ser postadas no Grupo de Literatura erótica?

Sim.


9) Concorda em participar e interagir conforme possa, com os demais membros nas atividades da Casa?

Sim.


10) Está ciente que NÃO DEVE POSTAR mais que 3 (três) Mensagens por dia no Blog Geral?

Sim.


11) Deixe o Link do Facebook, Recanto das Letras ou outro site onde possamos saber mais de você.

http://Facebook.com/ricardonunesdesales.


12) Publique neste espaço, uma Poesia ou texto de tua autoria. (não precisa ser extensa/o)

A CHAMA O amor Atrai a chama, E a chama Queima o coração. Enquanto coração, O amor perpetuará, Faísca da chama, Que nunca apagará. Infinito o amor, Infindo a chama, Posto que o coração, O açoite dessa dor. O amor Atrai a emoção, E a chama, Acende o coração. SÓ Só... Como a vida me ensinou, Debaixo das incertezas por caminhar, Sobre as agruras por onde passar, Sonâmbulo, Deixei-me levar...


Conquistas pela participação


Pontos ganhos: 19560

Grupos que participo

Minhas Discussões

CRISÁLIDA

 Quisera ter o tempo a meu favor,E não ter o pavor,De me crisalidar. Sem o tempo a escravizar,Queria assim repousar,E meu corpo adormecer,Sem temer o tempo passar,E quando acordar,Em borboleta despertar. Livre, colorida como arco-íris,Em fim, a vida…

Saiba mais…

Autor em tela

CPP